A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

22/12/2014 10:03

André diz que conta “na ponta do lápis” livrou MS da lista de endividados

Aline dos Santos e Leonardo Rocha
Puccinelli se despede de mandato no próximo dia 31. (Foto: Marcos Ermínio)Puccinelli se despede de mandato no próximo dia 31. (Foto: Marcos Ermínio)

O governador André Puccinelli (PMDB) atribuiu à economia “na ponta do lápis” o destaque nacional de Mato Grosso do Sul no quesito controle de gastos públicos. Conforme reportagem do Jornal Nacional, exibida no sábado, o Estado gasta 39% da receita com pessoal, distante dos 49% estipulados pela LRF (Lei de Responsabilidade Fiscal). A matéria mostrou que há estados endividados.

“Para se fazer economia em gasto público é preciso trabalhar com os recursos e encaminhar esses investimentos para os setores que a população elencar como prioridade e sempre cuidar para que haja boa arrecadação, fazendo economia na ponta do lápis”, afirmou o governador.

Ele agradeceu aos secretários e disse já estar com saudades dos integrantes do primeiro escalão. O agradecimento foi a todos, mas ele citou nominalmente Nilene Badeca (Educação), Beatriz Dobashi (ex-secretária de Saúde), Thie Higuchi (Administração), Edson Giroto (ex-secretário de Obras), Carlos Alberto Negreiros Said Menezes(Meio Ambiente), Tereza Cristina Côrrea da Costa Dias (ex-secretária de Produção) e Paulo Engel (titular da pasta de Produção).

Puccinelli encerra o mandato em 31 de dezembro e assegurou o pagamento da última folha do ano ainda neste mês. Uma folha do funcionalismo público estadual corresponde a R$ 280,6 milhões.

Nesta segunda, feira o governador inaugurou o asfalto que dá acesso ao Aeroporto Santa Maria, na saída para Três Lagoas, em Campo Grande. 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions