A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

01/03/2013 18:44

André diz que dará “visibilidade” a Nelsinho e Simone com reforma

Zemil Rocha
 André confirmou Simone na parte política da Casa Civil (Foto) Rachid Waked André confirmou Simone na "parte política" da Casa Civil (Foto) Rachid Waked

O governador André Puccinelli confirmou hoje, durante entrevista coletiva, o desmembramento da Secretaria de Governo (antiga Casa Civil) em três novas pastas e revelou que a intenção dessa pequena reforma administrativa é dar “visibilidade política” a dois de seus principais correligionários, o ex-prefeito Nelsinho Trad e a vice-governadora Simone Tebet.

Nelsinho Trad é declaradamente pré-candidato à sucessão do governador André Puccinelli, enquanto Simone Tebet tem admitido que gostaria de ser candidata a senadora em 2014. Simone não descarta, porém, a possibilidade de ser cabeça de chapa do PMDB, mas sempre se refere a si mesma como uma “segunda opção”, caso Nelsinho resolva não disputar o governo do Estado.

Nas atribuições que existem hoje na Secretaria de Governo, segundo André, o atual titular da pasta, Osmar Jerônimo , ficará com a “parte administrativa, cuidando se estrada está no cronograma, se Cras foi licitado”.

Nelsinho Trad será, conforme o governador, titular da “Secretaria de Relações Institucionais”, fazendo um contato mais direto com prefeitos e autoridades de outros poderes e outras esferas governamentais. Já Simone Tebet, informou André, vai cuidar da “parte política”.

André deu a entender que, com os dois correligionários, Nelsinho e Simone, atuando no governo, haverá condições de avaliar a competência de ambos. “E cada um se vira...Se esse é mais competente que você, vai ser...”, declarou o governador, sem concluir a frase. “É para ter maior visibilidade, mostrar competência e tocar o barco”, acrescentou.
Indagado sobre quando vai estar concluída essa pequena reforma administrativa, André respondeu: “ Neste ano”. Questionado, então, se até maio concretizaria o desmebramento da Secretaria de Governo, ele declarou: “Bem antes do meio do ano”.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Jerson Domingos (PMDB), revelou que possivelmente já na semana que vem o projeto de desmembramento chegue à Casa.

Reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, diz Meirelles
A reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, de acordo com o ministro da Fazenda Henrique Meirelles. A declaração foi dada na noite de...
Quanto mais reforma demorar, mais dura será correção, diz ministro
Caso o governo não consiga aprovar a reforma da Previdência ainda este ano, conseguirá em 2018, disse hoje (11) o ministro do Planejamento, Dyogo Oli...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions