A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

04/12/2009 11:32

André ri de pesquisa do PT e Zeca diz estar tranquilo

Redação

O governador André Puccinelli (PMDB) achou graça da pesquisa de opinião divulgada pelo Partido dos Trabalhadores, em que ele aparece praticamente empatado com o ex-governador Zeca do PT, com 38% das intenções de votos na forma estimulada.

Puccinelli estranhou o fato de Zeca subir nos números quando a senadora tucana Marisa Serrano é retirada da simulação.

"Está 38 a 38, daí tira a Marisa e o Zeca cresce? Todas as pesquisas dizem que quando a Marisa não está na disputa, pelo tempo que estamos juntos, 75% dos votos vão para mim, 10% não votam em ninguém,15% vão pros outros. Só por esses dados, eu acho que é bom dar risada. Gostei da piada e vou continuar dando risada", ironizou o governador, durante cerimônia de entrega de instrumentos musicais a fanfarras, na Capital.

Já o ex-governador Zeca do PT afirmou estar tranquilo quanto ao resultado e a veracidade da pesquisa encomendada por seu partido.

"Estou tranquilo quanto à minha pesquisa, sei que é séria, mas cada um interpreta do jeito que achar melhor. Ando devagar porque já tive pressa, como diz o cantor Almir Sater", filosofou Zeca.

Para o ex-governador, a pesquisa divulgada pelo PMDB "não retratou a prepotência e a arrogância do governador".

No levantamento feito a pedido do PMDB, Puccinelli seria reeleito no primeiro turno, com 18,7 pontos percentuais de vantagem.

"Não sei como pode uma pesquisa de quatro meses, com 19 mil pessoas. Por que eles não disponibilizam para a imprensa os dados completos da pesquisa, como fez o PT?", questionou Zeca.

Sobre o fato de Puccinelli discordar dos dados que revelam o crescimento de Zeca quando a senadora Marisa Serrano é retirada da disputa, o ex-governador foi enfático.

"Não vou bater boca agora, quero discutir com ele na campanha, na televisão, no rádio, nas universidades, mas ele tem que se preparar", disse.

Segundo a Tendência Pesquisa, contratada pelo PMDB, André Puccinelli tem 50% das intenções de voto, contra 31,3% de Zeca do PT, 5,5% do ex-governador Pedro Pedrossian (PTB) e 1,7% de Iara Costa (PMN).

Considerando somente os votos válidos (sem votos brancos e nulos), a diferença é ainda maior, de 20,4 pontos percentuais, já que Puccinelli passaria a ter 56,4% e Zeca 36%. Pedrossian e Iara ficam com 6,2% e 1,9%.

A Tendência Pesquisa ouviu 19.004 pessoas nos 78 municípios do Estado, entre agosto e novembro.

Pesquisa petista - Já a pesquisa feita pela empresa Multidados, de Minas Gerais, a pedido do diretório regional do PT, mostra os pré-candidatos André e Zeca empatados com 38% das intenções de votos e a senadora Marisa Serrano (PSDB) com 10%.

São 12% de indecisos e 2% declararam que votariam em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos, segundo a pesquisa.

A levantamento foi realizado entre 15 e 25 de novembro, nos 52 maiores unicípios de Mato Grosso do Sul, onde foram ouvidas 2.004 pessoas. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Não foram apresentados dados só sobre Campo Grande, onde o próprio PT já admitiu que os números não são favoráveis ao partido.

Marun ainda quer votar relatório da JBS antes de posse no ministério
Na véspera de ser empossado como ministro da Secretaria de Governo, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS), relator da Comissão Parlamentar Mista de Inqué...
Senado aprova R$ 1,9 bi a estados para compensar desoneração de exportações
Após suspender a sessão do Congresso Nacional, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), retomou os trabalhos do plenário da Casa com o obj...
Temer discutirá data de votação da reforma da Previdência nesta quinta
O anúncio do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), de que a votação da proposta de reforma da Previdência ficará para fevereiro causou r...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions