A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

24/10/2014 17:35

Apesar do feriadão, TRE não acredita em aumento de abstenção de votos

Leonardo Rocha
Desembargador João Maria Lós acredita que índice de abstenção não irá aumentar no 2° turno (Foto: Divulgação - Assessoria)Desembargador João Maria Lós acredita que índice de abstenção não irá aumentar no 2° turno (Foto: Divulgação - Assessoria)

Apesar do feriadão para os servidores públicos, o presidente do TRE-MS (Tribunal Regional de Mato Grosso do Sul), o desembargador João Maria Lós, acredita que este fato não irá aumentar o índice de abstenção de votos, no segundo turno, em comparação a primeira etapa, que registrou 20,53%, ou seja, 373.191 eleitores não compareceram para votar no Estado.

"Este feiradão é exclusivo para os servidores públicos, que tem a obrigação de votar, acredito que não vai afetar em nada a votação do segundo turno, até porque estes eleitores devem votar no domingo (26) e depois seguir para viajar", ponderou ele.

O desembargador ainda citou que várias campanhas estão sendo realizadas tanto nas rádios, como na TV, incentivando a população a comparecer no dia da eleição e assim efetuar o seu voto. "O eleitor precisa ter um compromisso com a sociedade, e ir até a sua zona eleitoral, até porque só irá valer os votos válidos, justamente este que dá legitimidade para o candidato vencedor", apontou ele.

Feriado - A preocupação sobre o aumento do índice de abstenção começou após o governo estadual decretar ponto facultativo aos servidores, nos dias 27 (segunda) e 28 de outubro (terça-feira), gerando um feriadão, com início neste final de semana.

Outros órgãos estaduais também seguiram esta decisão, como a Assembleia Legislativa e TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), além de várias prefeituras, entre elas Campo Grande.

De acordo com o presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), o prefeito de Anastácio, Douglas Figueiredo (sem partido), a tendência é a maioria dos municípios seguir o governo estadual. A prefeitura de Dourados não aderiu ao feriadão, transferindo a comemoração do dia do servidor, para 31 de outubro.

Governo decreta ponto facultativo e servidor terá feriadão de quatro dias
Em função do dia do servidor público, que é comemorado em 28 de outubro, o Governo estadual decretou ponto facultativo na próxima segunda (27) e terç...
Assembleia vota prorrogação de adesão a fundo que regula incentivos fiscais
A prorrogação até 30 de dezembro do prazo para que empresas beneficiadas com incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado se inscrevam no Fad...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions