A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018

18/06/2013 18:12

Assembleia aprova proibição de competições de tereré no Estado

Zemil Rocha
Morte após competição de tereré provocou comoção e gerou nova lei (Foto: Jéssica Benitez)Morte após competição de tereré provocou comoção e gerou nova lei (Foto: Jéssica Benitez)

A Assembleia Legislativa do Estado aprovou nesta terça-feira o Projeto de Lei 068/13 que proíbe a realização de promoções ou eventos de competição amadora de ingestão de alimentos ou bebidas no âmbito de Mato Grosso do Sul. A proposta, que ainda depende da sansão do governador André Puccinellli para virar lei, tem relação direta com uma morte ocorrida durante uma competição de tereré em Campo Grande.

No dia 29 de abril deste ano, Luana Priscyla Fernandes Soares, de 21 anos, morreu após passar mal em uma roda de tereré. A moça participava de uma competição, promovida pela Rádio Blink, que premiava quem tomasse mais tereré. Luana foi encaminhada para uma unidade de saúde do município, mas houve demora no encaminhamento para a Santa Casa e a jovem morreu, segundo familiares, em decorrência de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Pelo projeto aprovado, de autoria do deputado estadual Pedro Kemp (PT), fica proibida a realização de competições de quem bebe ou come mais em Mato Grosso do Sul, com previsão de punição para o responsável pelo evento, que pode ser multado em R$ 53,1 mil.

Competições como comer mais macarrão, hamburguers ou ingerir mais cerveja e outras bebidas são realizadas em várias partes do mundo. Se a lei for sancionada, não poderão ser realizadas em Mato Grosso do Sul. Também serão proibidas disputados que já foram realizados no Estado como para saber quem come mais sobá ou toma mais tereré.

A proposta de proibição desse tipo de competição foi ideia de uma técnica da área de saúde, que encaminhou a sugestão por meio da rede social Facebook. Ela se mostrou indignada com competições deste tipo porque fazem mal para o organismo. “Não foi só a menina que morreu, outras 10 pessoas passaram mal (durante a roda de tereré”, lembrou Kemp, ao defender a aprovação do projeto.

 



Tem uma competição que ninguém proibiu ainda e que estamos lutando a muito tempo contra. Aquela que premia qual O POLI´TICO QUE ROUBA MAIS OS COFRES PÚBLICOS. Quem sabe agora. A hora é agora.
 
tony de souza em 19/06/2013 14:00:51
Obrigada pela essa nova lei. porque como disse uma outra pessoa em um certo comentário:"O ser humano é extremamente tolo, para não dizer idiota( mas já dizendo) ao se envolver em competições como essa que não levam a nada"......Como essa pessoa não chora a morte de ninguém, ela não tem a dimensão do que é perder alguém que vc ama, por idiotice, irresponsabilidade, falta de amor ao ser humano dos organizadores de uma competição como essa. No local não tinha nenhum SAMU e sim uma ambulância social na qual minha filha foi socorrida, ou seja sem aparelhagem necessária para ter um socorro digno. Ela sempre quis se divertir com as pessoas que ela gostava. Ela foi mais uma vítima dessa falta de atenção da Saúde Pública.. :'(
 
JULIANA DE PAULA em 19/06/2013 12:17:16
Infelizmente essa e a resposta dos nossos políticos, num momento de grande manifestações eles simplesmente somem, ignoram a população e votam besteiras que não vão trazer beneficio algum a população........
 
willians costa em 19/06/2013 11:06:41
QUE TAL PROIBIR OS RACHAS?? O SOM ALTO?? BEBEDEIRA?? E POR AI VAI.
 
Alex André de Souza em 19/06/2013 10:40:17
Concordo plenamente com vc Miriam de Castro outras competições deveriam ser incentivadas e não hábitos "brega" como este de tomar tereré um costume dos nossos vizinhos sub desenvolvidos que os jovens resolveram adotar em nosso estado nos colocando em verdadeiro constrangimento quando somos questionados sobre um hábito de tomar uma bebida no mesmo recipiente, no mínimo anti higiênico. Xo tereré!
 
sonia honorato em 19/06/2013 10:21:57
Devia proibir churrasco também, afinal consumo de carne, igual tereré hoje em dia, é muito prejudicial para a saúde. #PaísDaPiadaPronta
 
Humberto Rigotti em 19/06/2013 10:13:32
Porque não proíbe de vender remédio? Afinal uma pessoa pode tomar uma overdose e acabar morrendo também....
 
José Maria em 19/06/2013 10:06:43
TEM QUE SE PREOCUPAR É COM A CORRUPÇÃO ISSO SIM!!!!!!!!!!
 
Marcio Oliveira em 19/06/2013 08:12:25
Concordo plenamente com a aprovação dessa lei. O ser humano é extremamente tolo, para não dizer idiota, ao se envolver em competições como essa que não levam a nada.
Poderiam fazer competição para preservar a limpeza de uma cidade, não depredar o patrimônio público etc. Seria mais útil e inteligente e, provavelmente, ninguém morreria, pelo contrário, poderíamos ganhar muito.
 
Miriam de castro em 18/06/2013 19:34:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions