A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

29/05/2014 12:46

Assembleia cria CPI para investigar “cai cai” das ligações telefônicas

Helton Verão
Comissão cobra explicações sobre os frequentes “cai cai”, falhas em ligações, cobranças indevidas e sobre o sinal da internet 3G e a lendária 4G. (Foto: Helton Verão)Comissão cobra explicações sobre os frequentes “cai cai”, falhas em ligações, cobranças indevidas e sobre o sinal da internet 3G e a lendária 4G. (Foto: Helton Verão)

Foi aprovada hoje (29), em sessão na Assembleia Legislativa, em Campo Grande, a criação da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar a qualidade dos serviços de telefonia móvel em Mato Grosso do Sul. A comissão quer avaliar questões que vão do atendimento, até o funcionamento. Explicações sobre os frequentes “cai cai”, falhas em ligações, cobranças indevidas e sobre o sinal da internet 3G e a lendária 4G.

Proposta pela CPI foi feita por Maquinhos Trad (PMDB) e precisava de ao menos oito assinaturas de deputados. Até o fim da sessão, 18 deputados assinaram o documento.

“Se trata de um serviço público. Prestado a órgãos governamentais a privados. Acontece muito desrespeito aos clientes. Problemas principalmente com ligações cortadas, que não se completam, enfim, são vários. Queremos saber se as redes são suficientes, se são falhos na Capital, imagina no Interior”, questiona Trad.

Outro indagação de Marquinhos, é sobre o prazo de validade dos cartões de recarga. “Como a pessoa compra uma recarga para seu celular e ele tem validade? Se ela comprou, é dela o direito daquele crédito. Não é igual um alimento que pode estragar. Esse prazo de validade é imoral e ilegal”, avalia o deputado estadual.

Em outros 19 estados brasileiros já aconteceu ou está acontecendo CPI sobre a telefonia móvel. Em quase todos, as operadoras foram obrigadas a assinar um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), comprometendo-se a melhorar os serviços.

Uma audiência pública já estava marcada para terça-feira (3), a partir das 14 horas, na Assembleia, para debater com a população os principais problemas do dia a dia.

Os membros dos partidos devem ser indicados até a quinta-feira da próxima semana, para iniciar os trabalhos da comissão.

No ranking de reclamações do Procon (Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor), as operadoras dominam o topo de reclamações.

Atualmente oferecem os serviços de telefonia móvel em Mato Grosso do Sul quatro operadoras, Claro, Vivo, Oi e Tim.

Assembleia recebe prestação de contas e fará limpeza de pauta antes do recesso
A última semana de trabalho do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul em 2017 será aberta com a audiência pública para prestação de contas do govern...
Assembleia vota prorrogação de adesão a fundo que regula incentivos fiscais
A prorrogação até 30 de dezembro do prazo para que empresas beneficiadas com incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado se inscrevam no Fad...


Conversinha fiada...

 
fabiano silva em 29/05/2014 16:43:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions