A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

14/07/2009 13:31

Assembléia emprega 17 para operar sistema de comunicação

Redação

O sistema de comunicação da Assembléia Legislativa de Mato Grosso do Sul, que engloba rádio, site e um canal de televisão, emprega 17 servidores e prevê gasto de R$ 1,1 milhão em 2009.

A informação é do primeiro-secretário da Mesa Diretora, deputado Ary Rigo (PDT), contestando nota divulgada pela coluna Jogo Aberto e matéria do jornal o Estado de São Paulo, edição de domingo, de que os gastos seriam mantidos em segredo.

A matéria do jornal diz que Mato Grosso do Sul foi um dos sete Estados em que as assembléias não divulgaram seus gastos, entre as 20 Casas que dispõem de televisão para divulgação de suas ações.

A TV Assembléia de Mato Grosso do Sul foi criada no dia 11 de abril de 2001, sua programação é transmitida pelo canal 14 da NET e chega a dois municípios do Estado: Campo Grande e Dourados.

A grade de programação é de 14 horas e a transmissão das sessões também é feita ao vivo pelo site da instituição (www.al.ms.gov.br/tvassembleia).

A Assessoria de Imprensa da Assembléia divulgou também cópia do Diário Oficial de 21 de dezembro de 2007, com o contrato de prestação de serviços ganhou, em licitãção, pela produtora Macro Vídeo, por 24 meses.

Para 2009, segundo Ary Rigo, a previsão é que a televisão legislativa tenha custo estimado de R$ 1,1 milhão.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions