A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

08/02/2011 11:50

Câmara aprova afastamento de relator de comissão processante

Paulo Fernandes

Afastamento de vereador e desfalca 3 comissões

Laudir Munaretto estava em 3 comissões (Dourados News/arquivo)Laudir Munaretto estava em 3 comissões (Dourados News/arquivo)

A Câmara Municipal de Dourados aprovou o pedido de afastamento do vereador Laudir Munaretto (PMDB) por 37 dias. Suplente da prefeita interina Délia Razuk (PMDB), ele participava de três comissões processantes.

Com a eleição de Murilo Zauith (DEM), Délia retornará a Câmara até o fim do mês e Laudir perderia a vaga no parlamento.

Laudir era relator do processo contra o vereador Marcelo Barros (DEM), presidente da comissão sobre Aurélio Bonatto (PDT) e membro da comissão que apurava os supostos crimes de Zezinho da Farmácia (PSDB). Barros, Bonatto e Zezinho são acusados de envolvimento no esquema de fraude em licitações e pagamentos de propinas descoberto pela Operação Uragano, da Polícia Federal.

O cargo de Laudir será preenchido pelo 4º suplente, o radialista Marcelo Mourão (PMDB). Mourão, segundo o site Dourados News, poderá assumir o cargo ainda hoje.

Terceiro na linha sucessória, Paulo Falcão abriu mão do cargo.

Sobre a comissão que investigava Marcelo Barros, Laudir Munaretto garantiu que já concluiu o trabalho e entregou o relatório.

No fim do mês passado, ele disse ao Campo Grande News que consultou a assessoria da jurídica da Casa e foi informado de que a saída dele não prejudicaria os trabalhos da Câmara.

Ele afirma que o motivo do afastamento é pessoal. Laudir estaria tendo dificuldade de conciliar o trabalho de vereador com o de empresário no ramo de eventos.

Laudir disse ainda que o afastamento dele é sem remuneração.

Relator de comissão processante pede afastamento
Laudir Munaretto é suplente da prefeita interina Délia Razuk.Relator de uma das comissões processantes, o vereador interino Laudir Munaretto (PMDB) ...
Tribunal marca julgamento da apelação de Lula para janeiro de 2018
O Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, marcou para 24 de janeiro de 2018 o julgamento da apelação do ex-presidente ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions