A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

06/11/2012 21:56

Câmara aprova projeto dos royalties, que vai para sanção presidencial

Iolando Lourenço, da Agência Brasil

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (6), por 286 votos a 124, o projeto de lei do Senado que trata da redistribuição dos royalties do petróleo para estados e municípios produtores e não produtores.

Os destaques que pretendiam, entre outras modificar, destinar 100% dos recursos dos royalties para a educação no âmbito, foram rejeitados na votação.

"Com a derrota do texto de Zarattini [Carlos Zarattini, PT-SP], cai a vinculação dos royalties à educação. Perde o nosso país e as futuras gerações, lamentou o deputado Newton Lima, também do PT paulista.

A votação da redação final foi dispensada, e o presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), anunciou que a matéria segue agora para sanção presidencial.

Assembleia recebe prestação de contas e fará limpeza de pauta antes do recesso
A última semana de trabalho do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul em 2017 será aberta com a audiência pública para prestação de contas do govern...
Assembleia vota prorrogação de adesão a fundo que regula incentivos fiscais
A prorrogação até 30 de dezembro do prazo para que empresas beneficiadas com incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado se inscrevam no Fad...
Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...


Parabenizo ao campo grande news pela reportagem. É de matérias assim que o povo precisa. Matérias que evidenciam os posicionamentos que os parlamentares assumem em nosso lugar. INfelizmente a educação perdeu mais uma vez. Mas é ótimo saber quem esteve a favor dela. Por favor continuem com matérias assim. A sociedade agradece!
 
Danny Vilhalba em 08/11/2012 12:53:55
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions