ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, TERÇA  16    CAMPO GRANDE 24º

Política

Com políticos de MS, apoiadores lotam Paulista em defesa de Bolsonaro

Ex-presidente negou golpe, citou passagem por Nioaque e lembrou da ex-ministra Tereza Cristina

Por Aline dos Santos | 25/02/2024 15:30
Governador de SP, Tarcísio de Freitas (à esquerda), ao lado de Bolsonaro em ato político. (Foto: Reprodução)
Governador de SP, Tarcísio de Freitas (à esquerda), ao lado de Bolsonaro em ato político. (Foto: Reprodução)

Com a presença de políticos de Mato Grosso do Sul, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) reuniu multidão na Avenida Paulista, em São Paulo, na tarde deste domingo (dia 25). No discurso, ele citou a carreira no Exército e lembrou da passagem “pela longínqua Nioaque”.

Ainda sobre Mato Grosso do Sul, destacou a força do agronegócio e mencionou a senadora Tereza Cristina (PP), que foi ministra da Agricultura na sua gestão. Neste domingo, ela repostou na rede social vídeo de Flávio Bolsonaro na Paulista.

Prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (PP) embarcou hoje para a capital paulista e convidou o público a vestir verde e amarelo.

“Aceitei o convite prontamente para juntar aos milhares de brasileiros, em prol da nossa democracia, da nossa liberdade e também dos valores cristãos. O ato será pacífico e ressalta o nosso posicionamento político”, afirmou a prefeita. Na sequência, Adriane postou foto com o marido Lídio Lopes, que é deputado estadual, já em São Paulo.

Prefeita Adriane e deputado estadual Lídio Lopes na Avenida Paulista. (Foto: Reprodução)
Prefeita Adriane e deputado estadual Lídio Lopes na Avenida Paulista. (Foto: Reprodução)

O deputado estadual Carlos Alberto David dos Santos, o Coronel David (PL) postou foto com Flávio Bolsonaro. A mobilização ainda teve a participação dos deputados federais Marcos Pollon (PL) e Rodolfo Nogueira (PL), o “gordinho do Bolsonaro”.

O deputado estadual João Henrique Catan (PL) também participou das movimentações. Com o mandato cassado pela Justiça Eleitoral, Rafael Tavares esteve presente.

A pauta do ato pacífico é “pelo estado democrático de direito, liberdade, família e futuro do Brasil”. O evento foi programado em meio às investigações da Polícia Federal sobre a possível participação do ex-presidente na articulação de um golpe de Estado.

Flávio Bolsonaro (à esquerda) e o deputado Coronel David. (Foto: Reprodução)
Flávio Bolsonaro (à esquerda) e o deputado Coronel David. (Foto: Reprodução)

A ex-primeira-dama Michele Bolsonaro (PL), que esteve ontem em Campo Grande, discursou antes do marido. Emocionada, ela conclamou os patriotas, falou das dificuldades das mulheres na política e que o momento é de libertação.

“O mal ocupou esse espaço, chegou o momento da libertação. Conhecereis a verdade e ela vos libertará”, disse Michele, relembrando o versículo bíblico bastante citado pelo marido.

Em seu discurso, Bolsonaro falou de Deus, liberdade e rememorou a trajetória, com especial destaque para o ataque a facada sofrido em Juiz de Fora (Minas Gerais), e negou golpe. “Agora, querem entubar a todos nós um golpe usando a Constituição”.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias