A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

17/12/2012 15:46

Com registro cassado, prefeita eleita de Juti vai recorrer de decisão

Gabriel Neris

Assim que soube da cassação de seu registro de candidatura, a prefeita eleita de Juti, Isabel Cristina Rodrigues (DEM), conhecida como Bel, pegou a estrada rumo a Campo Grande para recorrer da decisão e tentar, através de liminar, ser diplomada amanhã (18).

A decisão é de primeira instância e cabe recurso TRE (Tribunal Regional Eleitoral) e ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Por telefone, Bel limitou-se a dizer apenas que “não há motivo que dê nisso, que seja sério”. A prefeitura eleita de Juti é acusada por compra de votos nas eleições do mês de outubro. Atualmente, Bel ocupa os cargos de vice-prefeita e secretária de Educação do município.

Isabel Cristina Rodrigues, da coligação “Juntos por uma Juti Cada vez Melhor” venceu Elizângela Martins Biazotti dos Santos (PMDB), conhecida como Laka, da coligação “Todos por Juti”, com 54,29% dos votos, contra 45,71% da opositora.

Por ter vencido com mais de 50% dos votos, se a cassação for mantida, a cidade pode ter nova votação, conforme a regra da Justiça Eleitoral. A situação é semelhante com a de Sidrolândia.

Segundo o Cartório Eleitoral da 28ª Zona, em Caarapó, a publicação com a cassação sairá amanhã no Diário Oficial da Justiça Eleitoral. Com a determinação, Bel não poderá ser diplomada.

Justiça Eleitoral cassa registro de candidatura de prefeita eleita em Juti
A prefeita eleita em Juti, Isabel Cristina Rodrigues (DEM), conhecida como Bel, teve o registro de candidatura cassado pela acusação de compra de vot...
Senado aprova R$ 1,9 bi a estados para compensar desoneração de exportações
Após suspender a sessão do Congresso Nacional, o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), retomou os trabalhos do plenário da Casa com o obj...
Temer discutirá data de votação da reforma da Previdência nesta quinta
O anúncio do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), de que a votação da proposta de reforma da Previdência ficará para fevereiro causou r...


Acho um absurdo o que acontece em nosso pais,prefeita de Juti MS compra voto, e comprovado e ainda e diplomada, o que poderá ser feito nos 04 anos de governo estou muito revoltado com nossos políticos Brasileiros que vergonha,TRE deveria manter a suas decisões para que sirva de exemplo Para outros Municípios, do Mato Grosso do Sul e em todo Brasil ai vai meu protesto
Obrigado
Sem Mais
 
Antonio Sobrinho em 18/12/2012 22:11:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions