A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 23 de Janeiro de 2018

29/11/2010 08:10

Comboio traz magistrados e técnicos para inspeção no TJ

Redação

Quatro a cinco veículos oficiais do Poder Judiciário chegaram por volta das 8h30 à sede do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) trazendo magistrados e técnicos do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) para inspeção sobre os indícios de pagamento de "mensalão" a desembargadores.

O grupo é liderado pela ministra-corregedora do CNJ, Eliana Calmon. A investigação foi deflagrada após divulgação de vídeo no Youtube, onde o deputado estadual Ary Rigo (PSDB) fala sobre suposto esquema de pagamento de propina aos poderes.

Somente ao TJ, por meio do Poder Legislativo, seriam repassados mensalmente R$ 900 mil. O vídeo foi gravado pelo jornalista Eleandro Passaia, sob a orientação da Polícia Federal.

Os técnicos e magistrados do CNJ entraram pelos fundos da sede do Poder Legislativo, trazendo pastas e caixas de documentos. A imprensa não teve acesso ao início da inspeção, devido ao esquema de segurança montado no local.

O início dos trabalhos está marcado para as 9h. Na porta do TJ, estão afixados documentos sobre a inspeção, sobretudo para informar os funcionários da Casa.

O grupo de magistrados e assessores do CNJ escalados para a inspeção é formado pelas seguintes pessoas: Agamenilde Dias Arruda Vieira Dantas, Erivaldo Ribeiro dos Santos, Julio César Machado Ferreira de Melo, Marcelo Martins Berthe, Marlos Augusto Melek, Nicolau Lupianhes Neto, Ricardo Cunha Chimenti, Silvio Marques e Wladimir dos Passos de Freitas.

Outros servidores foram escolhidos para assessorar os magistrados: Henrique Triccoli Júnior, Duane Carvalho de Queiroz, Ieda Silvana Ramos, Benedito Eugênio de Almeida Siciliano, Thiago de Andrade Vieira, Rodrigo Casimiro Reis, Emerson Akira Okamura, Tereza Cristina Certain de Paula, Keila de Freitas Borges, Daniel Felício, Eric Diniz Casimiro, Jacqueline de Paiva Rufino, Alexandre Castro,

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions