A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

17/11/2010 11:30

Controle do DEM deve passar de Murilo para Mandetta

Redação

O comando do DEM de Mato Grosso do Sul deve sair das mãos do vice-governador Murilo Zauith para ficar com o deputado federal eleito Luiz Henrique Mandetta.

A notícia, ventilada na coluna Jogo Aberto, do Campo Grande News, no início de outubro, foi confirmada nesta manhã pelo vice-presidente da sigla, deputado estadual Zé Teixeira.

"Andando comigo o Murilo disse que o DEM tem três vice-presidentes, e que queria passar a presidência para um deles, e que podia ser eu. Eu poderia pegar, sou um deputado de cinco mandatos, iria comandar o partido de um jeito diferente, mas acho que o Mandetta tem mandato federal, e ele que tem que ser o próximo presidente", comentou.

Segundo o democrata, o desejo de Murilo de "passar" a presidência para outro companheiro está relacionado ao projeto de disputar a prefeitura de Dourados ano que vem, caso realmente haja eleição extemporânea.

"O Murilo quer ser prefeito de Dourados, por isso está abrindo mão da presidência", comentou.

O presidente municipal do DEM, vereador Airton Saraiva, que coordenou a campanha de Murilo ao Senado, confirmou que o vice-governador deve sair no fim deste ano e que a sigla deverá passar às mãos de Mandetta.

"Eu conversei isso com ele e ele me falou. O Mandetta tem mandato, vai ser deputado federal e o caminho de trocar os comandos é natural. Mas isso deve ficar só para o ano que vem, depois do recesso", afirmou.

Murilo aparece como preferido para a prefeitura de Dourados na pesquisa Ibrape divulgada hoje pelo jornal Correio do Estado. Foram feitas três simulações envolvendo oito nomes e em todas ele se sai melhor que os adversários.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions