A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2018

23/03/2011 10:54

Delcídio e Giroto pedem R$ 35 milhões para ministro da Integração

Fabiano Arruda

Parlamentarem participaram de audiência com Fernando Bezerra nesta manhã

Parlamentares também cobraram R$ 5 milhões prometidos pelo ministro. (Foto: Divulgação)Parlamentares também cobraram R$ 5 milhões prometidos pelo ministro. (Foto: Divulgação)

O senador Delcídio do Amaral (PT) e o deputado federal Edson Giroto (PR) entregaram, na manhã desta quarta-feira, ao ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, o plano de trabalho elaborado pelo governador André Puccinelli (PMDB), no valor total de R$ 35 milhões, para a recuperação de pontes e estradas vicinais afetadas pelas chuvas dos últimos 30 dias em Mato Grosso do Sul.

Em visita ao Estado no último dia 11, Fernando Bezerra garantiu R$ 5 milhões para utilização em caráter emergencial. O recurso, prometido para entrar na conta do governo do Estado no dia 14, deve ser liberado até sexta-feira.

No encontro com os parlamentares, o ministro se comprometeu a liberar, nas próximas semanas, os R$ 35 milhões apresentados, verba solicitada pelos municípios mais atingidos pelas enchentes, segundo Delcídio.

O petista afirmou que a bancada continua mobilizada em busca de recursos para recuperação do Estado após as fortes chuvas.

“Vamos continuar fazendo gestões junto aos ministérios da Integração, Cidades, Defesa, Planejamento, Fazenda e na própria Presidência da República, para que a Medida Provisória a ser editada pelo governo, com o objetivo de socorrer os estados afetados pela chuva, inclua o maior volume possível de recursos para Mato Grosso do Sul, até porque, além dos municípios afetados pelos temporais do final de fevereiro e início de março, temos agora um outro problema grave, a enchente em Miranda e Corumbá, que deve ser uma das maiores da história”, pontuou o senador, segundo informações de sua assessoria.

“Estamos operando em diversas frentes. Queremos recursos para reparar os estragos, o apoio do Exército na construção de pontes e, da área econômica do governo, providências efetivas no sentido de renegociar os financiamentos dos agricultores e pecuaristas que perderam a produção em função da enchente e da chuva”, completou.

Petrobras - Depois da reunião no Ministério da Integração, Delcídio viajou ao Rio de Janeiro para um encontro com a diretoria da Petrobras e o governador André Puccinelli.

Na pauta providências para a construção da fábrica de fertilizantes em Três Lagoas, bem como discussões sobre a prática tributária da empresa em relação ao gás boliviano em Mato Grosso do Sul.



Não podiamos esperar nada mais desses Políticos ,Visão e Trabalho para com o Desenvolvimento de nosso Estado.
 
Carlos Magno Miranda em 23/03/2011 11:05:32
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions