A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

03/12/2010 13:37

Delcídio quer cassar concessão da ALL em Mato Grosso do Sul

Fernanda França
Delcídio durante reunião da comissãoDelcídio durante reunião da comissão

O senador Delcídío do Amaral (PT-MS) pediu ao ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, providências urgentes junto à Agência Nacional de Transportes Terrestres com relação ao desempenho da ALL (América Latina Logística) na exploração do ramal ferroviário que vai de Bauru(SP) a Corumbá(MS).

A solicitação foi feita durante reunião da Comissão de Infraestrutura do Senado. De acordo com o senador, a ferrovia que corta Mato Grosso do Sul é “uma vergonha”.

“A empresa que opera o ramal dá um verdadeiro vexame, com um nível de acidentes assombroso, composições circulando em baixas velocidades e uma insatisfação cada vez maior do seu próprio quadro funcional”, disparou.

Conforme Delcídio, muitas pessoas consideram a ALL como uma das piores privatizações feitas no Brasil.

“Isso precisa ser alterado urgentemente, não descartando a hipótese de cassação da concessão, pois a ALL não tem atendido ao Termo de Ajustamento de Conduta assinado com o governo federal”, disse o senador ao ministro, que participou da reunião.

Por outro lado, Delcídio elogiou as obras que o DNIT e o Ministério dos Transportes estão realizando nas BRs 163 e 262 .

Ele relatou ao ministro que os senadores e deputados que representam Mato Grosso do Sul no Congresso Nacional estão empenhados em garantir mais recursos para a manutenção das rodovias federais.

“Para o ano que vem, a bancada está pedindo cerca de R$ 1 bilhão para restaurar e pavimentar as estradas que cortam o nosso Estado”, ressaltou.

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...


Parabens senador....so quem conhece da causa pode falar como esta a nossa ferrovia...ja nao temos mais estamos sem essa identidade,a nossa ferrovia esta sendo destruida pela esta empresa que nao ta nenhai para a nossa ferrovia so quer retirar e nada de investir....trabalhei por 4 anos nesta ferrovia e vi de perto...como e triste ver ela sumjind assim.....Um dia por acaso falei com o Delcidio em um restaurante,e ele ja sabia o que eles estavão fazend com a estrada de ferro....esperamos mais respostas..
 
clodoaldo marques em 31/12/2010 12:24:43
Parabens Senador,esta luta é da história do povo sul-matogrossense, vá em frente, pois um exercito de cidadaõs o acompanhará neste bom combate.
 
Liratan Cavalcante Leite em 06 de dezembro - segunda às 07:00 hs em 06/12/2010 07:00:25
somente uma pessoa coerente para lenbrar da ferrovia que tanto ajudou o estado crescer pois precisou um filho legitimo da terra e com compromisso para com a população deste estado lembrando tambem dos muitos ferroviarios que hoje ja aposentados e outros como meu pai senhor aniceto perreira da silva lutou muito para dignificar esse serviço que a ferrovia prestava a população das cidades que se desenvouveram a margem destas linhas como corumbá e aquidauana muito obrigada senador por não esquecer tambem das pessoas.
 
celso jesus da silva em 04/12/2010 10:01:08
É lamentável assistirmos esta vergonha em Mato Grosso do Sul. A ferrovia está sucateada; o Trem do Pantanal não existe. A BR 163 não se duplica, apenas dão uma maqueda. Nossas estradas vicinais em sua grande maioria, caóticas. Demorou, Senador Delcídio!, mas como diz o ditado, "antes tarde do que nunca" esperamos que sua interferência e reividicações ecoem no Congresso Nacional. Somos um dos maiores produtores de grãos do país; de alcool; e o maior rebanho bovino da America Latina. Ajudamos a saciar a fome de milhares de brasileiros, e recebemos em troca; imensas dificuldades de produção e locomoção. Intime-se os Deputados Federais, outros Senadores, o Governador, a classe política como um todo. Levante esta bandeira Senador Delcídio, e terás a recompensa da consciência como alívio, e do povo como gratidão e honra!.
 
Carlos Fernandes em 03/12/2010 06:22:19
esta com a razao nosso senador, futuro governador de MS, por qualquer partido, sera a bola da vez. Essa ALL é de dar tristeza na sua logistica em recuperação da malha sob a sua rsponsabilidade. Cada os trilhos para o Trem do Pantanal chegar até Corumba? Não era esse ano que chegaria no seu destino final? Que Deus de uma mao para o Senador Delcidio, ele vai precisar vencer os lobes.
 
adaodasilva em 03/12/2010 04:16:14
Mato Grosso do Sul necessita de transporte ferroviário e do jeito que está a ALL imperra e cria gargalo na escoamento da produção de minério de Corumbá. Sem contar o número de turistas aproveitando da vantagem desse tipo de transporte. Aproveita a oportunidade e reinvidica uma área portuária em Três Lagoas, os empresários esperam do Governo Federal essa ação para escoar produção em fretes mais baratos.
 
Mamede João em 03/12/2010 03:08:04
Concordo plenamente com o senador, mesmo sendo oposicionaista a seu partido. Poderia ser analisada a póssibilidade de passar a concessão para a Vale do Rio Doce, haja visto que aqui existem mineradoras e ela dá show de competência. Se é que ela vai querer uma malha sucateada.
 
Fernando Almeida de Lima em 03/12/2010 03:03:56
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions