A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

18/12/2009 08:53

Dourados: interpelado, vereador democrata critica MPF

Redação

Interpelado pelo MPF (Ministério Público Federal) por fazer críticas a um funcionário do órgão federal, o vereador Gino Ferreira (DEM) usou a tribuna da Câmara de Dourados na sessão extraordinária desta sexta-feira para rebater a medida. "Não vão me intimidar. Vou defender os proprietários rurais até o último dia da minha vida", afirmou o democrata, que é ex-presidente do Sindicato Rural de Dourados e tem voz ativa na Famasul (Federação da Agricultura de Mato Grosso do Sul).

Gino Ferreira recebeu intimação do MPF para que dê explicações em 48 horas sobre as afirmações que fez na Câmara, apontando participação do analista pericial em antropologia Marcos Homero na invasão indígena a uma fazenda em Rio Brilhante. A interpelação foi apresentada pelo procurador da República Marco Antonio Delfino de Almeida e atacada pelo juiz federal Massimo Palazzolo.

"O MPF tem que cuidar do que é pertinente a eles e não ficar perturbando quem trabalha em defesa da sociedade e da democracia", afirmou o vereador democrata. Ele disse que o MPF deveria usar o tempo para resolver o problema da Funai em Dourados, cercada desde o dia 7 de novembro pelos índios que querem a saída da administradora regional, Margarida Nicoletti.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions