A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

02/07/2010 07:12

Empate entre Serra e Dilma persiste, aponta Datafolha

Redação

A pesquisa da Datafolha divulgada nesta sexta-feira aponta persistência do empate técnico entre os presidenciáveis José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT), após oficialização de ambas as candidaturas, em convenção.

De acordo com reportagem da Folha online, a pesquisa foi feita ontem e anteontem, apontando 39% dos votos para Serra e 38% para Dilma. A pesquisa anterior, de maio, mostrava ambos com 37%.

Marina Silva (PV), que tinha 12%, aparece com 10%. Entre os 2.658 entrevistados, 5% responderam que pretendem votar em branco ou nulo. Outros 9% disseram não saber. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

A pesquisa observa que em junho Serra concentrou aparições em programas de TV do PSDB e partidos aliados, com alta exposição, assim como havia ocorrido com Dilma em maio, quando foi feita a coleta anterior.

No levantamento espontâneo, quando os entrevistados dizem em quem pretendem votar sem ver uma lista de nomes, Serra subiu de 14% a 19% e Dilma estava com 19% e foi a 22%. Marina manteve 3%.

Dentre os pesquisados 5% que não sabem que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não pode se reeleger e declaram voto nele. Há também 4% inclinados a votar em quem Lula indicar e 1% no "candidato do PT".

Quanto à rejeição, Serra manteve o maior índice, de 24%, mas houve ligeira queda em relação a maio, quando era de 27%. Dilma se manteve com 20% de rejeição. Marina tem 14%, mesmo índice anterior.

Quanto às preferências regionais, Dilma continua tendo suas melhores taxas no Nordeste, onde subiu de 44% para 47%, e Norte/Centro-Oeste, onde foi de 40% para 42%.

Serra se destaca no Sul, onde sua intenção de voto subiu de 38% para 50%, e no Sudeste, onde tem 43%, contra 40% de maio.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions