ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, TERÇA  23    CAMPO GRANDE 22º

Política

Escalonar horários de comércio e escolas é opção para desafogar trânsito

Assunto será discutido em audiência pública promovida por vereadores da Capital

Caroline Maldonado | 09/08/2022 09:12
Mulheres abrem loja no Centro da Capital. (Foto: Arquivo/Marcos Maluf)
Mulheres abrem loja no Centro da Capital. (Foto: Arquivo/Marcos Maluf)

O escalonamento de horários de entrada e saída de escolas e lojas seria alternativa para evitar congestionamentos, que hoje são comuns no trânsito de Campo Grande. A sugestão partiu do vereador André Luís Soares, o “Prof. André” (Rede), durante uma reunião em que se discutiu a precariedade do transporte público e agora os vereadores se reunirão com representantes de diversos setores para avaliar a proposta.

“Apesar de Campo Grande ter vias largas e retas, há congestionamento nos horários de pico, o que acontece em qualquer Capital. Uma das propostas que a gente avalia é o que acontece no Japão. Tem-se horários diferenciados não só para o comércio, mas também para as escolas. Para todo mundo não ter que usar ônibus das 5h30 até às 8h30, a gente pode começar a fazer flexibilização de horário”, defende o vereador.

Alguns tipos de comércio poderiam abrir às 8h, outros às 9h, enquanto as escolas municipais às 7h, escolas estaduais às 7h45. São exemplos de como poderia funcionar o escalonamento na Capital.

O vereador acredita que muitos podem não gostar da ideia a princípio, portanto os setores são convidados a discutir o assunto antes de qualquer proposta para alteração de leis e implementação do sistema.

Vereador André Luís Soares, o “Prof. André” (Rede), durante sessão na Câmara Municipal (Foto: Izaías Medeiros/CMCG)
Vereador André Luís Soares, o “Prof. André” (Rede), durante sessão na Câmara Municipal (Foto: Izaías Medeiros/CMCG)

“Isso significaria uma readaptação de costumes, mas a gente entende que não adianta fazermos uma grande modificação, além de melhorar a qualidade do transporte público, a gente vai continuar com a questão de afunilamento de horário de entradas e saídas de tudo. Então, essa é uma discussão que vamos levantar como alternativa de melhorar a mobilidade urbana”, explica.

Audiência - A flexibilização de horários será discutida em audiência pública na quarta-feira (10), às 9h, no Plenário Oliva Enciso, na Câmara Municipal de Campo Grande, que fica na Avenida Ricardo Brandão, n. 1600, no Bairro Jatiúka Park. A audiência será transmitida ao vivo pelo Facebook e Youtube.

A discussão foi convocada pela Comissão de Mobilidade Urbana da Câmara, presidida pelo Prof. André. Também fazem parte da comissão, os vereadores  Alírio Villasanti, o "Coronel Villasanti" (União Brasil ), Clodoilson Pires (Podemos),  José Jacinto Luna Neto, o "Zé da Farmácia" (Podemos) e Camila Jara (PT).

Clique aqui para acessar o canal da Câmara Municipal no Youtube.

Nos siga no Google Notícias