A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

01/10/2013 09:31

Fábio Trad sai em defesa de advocacia e contesta declaração de Dilma

Leonardo Rocha
Deputado destaca atuação da advocacia na arrecadação e economia de recursos para União (Foto: Arquivo)Deputado destaca atuação da advocacia na arrecadação e economia de recursos para União (Foto: Arquivo)

O deputado estadual Fábio Trad (PMDB) contestou a declaração da presidente Dilma Rousseff (PT) que disse em Nova York que “advogado é custo, engenheiro é produtividade”. O deputado saiu em defesa da advocacia pública destacando a importância dos profissionais que além de defender a União, economizam e arrecadam recursos aos cofres públicos.

“A presidente não precisava cometer esta grosseria com a profissão que ajudou a derrotar a ditadura, redemocratizar o país e lutar pela concretização da nossa carta magna”, afirmou ele.

O deputado ponderou que a advocacia “perdoa” a presidente, pois já aprendeu a conviver com a “incompreensão” do seu papel social. Ele destacou que estas declarações mostram o desconhecimento com o trabalho feito pelos profissionais de Direito que atuam no poder público federal.

Custo – Fábio Trad destacou que a advocacia nunca teve um custo alto a democracia. Ele apontou que nos últimos três anos a AGU (Advocacia Geral da União) arrecadou e economizou R$ 2,5 trilhões aos cofres da União.

Sendo R$ 60 bilhões com a dívida ativa, R$ 5 bilhões com contribuições sociais da Justiça de Trabalho, o recolhimento de mais R$ 3 bilhões de créditos de autarquias e fundações federais, além da recuperação de mais R$ 1,5 bilhão com desvio de corrupção.

Ele ainda indicou vitórias judiciais que resultaram em economia de mais de R$ 288 bilhões aos cofres públicos. Trad apresentou estes números e deu esta declaração durante encontro com representantes da categoria em Mato Grosso do Sul. Estavam presentes Marco Aurélio de Oliveira, Renato Ferreira, Carlos Rogério da Silva e Ricardo Marcelino Santana.



O que mais me surpreende com a declaração da nossa chefe maior do executivo é que sempre o PT,seu partido de base politica defendeu a democracia, sera que toda essa dedicação em favor da democracía, o seu alvo era o poder, agora que já detem o poder nas mãos, vem atacar uma classe que sempre lutou e continua lutando por uma democracía ampla. É muito triste presenciar tão absurdo comportamento de quem devería lutar tambem pela democracía ampla tanto quanto nossa honrada classe.
 
porfirio vilela em 02/10/2013 10:22:40
Já perdi a conta das baboseiras, gafes e impropriedades desta "presidenta" (esta última, aliás, é uma delas... e contra a NGB)!!!
 
Fabiano Bellesia em 01/10/2013 12:04:18
Todas as regras já foram violadas pela presidente Dilma Rousseff (PT), e como disse o deputado estadual Fábio Trad (PMDB), " a presidente nao precisava cometer essa grosseria". Afinal ela a nossa presidente, tem de cuidar melhor das palavras que profere, inda mais fora , em outras terras. Ainda somos uma nação unida em busca de um bem maior , que traga resultados a todos, e nao a um grupo somente.
 
ANTONIEL DA SILVEIRA CAMPOS em 01/10/2013 10:36:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions