A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/02/2013 19:53

Figueiró faz primeiro discurso no Senado e promete trabalho independente

Nyelder Rodrigues
Figueiró assume a vaga deixada por Antônio Russo, que se licenciou para tratamento médico (Foto: Divulgação/Senado)Figueiró assume a vaga deixada por Antônio Russo, que se licenciou para tratamento médico (Foto: Divulgação/Senado)

O senador Ruben Figueiró (PSDB-MS) agradeceu a oportunidade de assumir a vaga em Brasília nesta terça-feira (5), e afirmou que vai trabalhar com independência e senso crítico.

Ele era suplente de Antônio Russo (PR-MS), que se licenciou para tratamento de saúde por seis meses. Russo também era suplente e assumiu no lugar de Marisa Serrano (PSDB), que abriu mão do cargo para assumir como conselheira do TCE-MS (Tribunal de Contas do Estado).

No discurso de Figueiró, ele prometeu atuar em defesa dos interesses sul-mato-grossenses e brasileiros, e também falou sobre sua trajetória política. Na década de 80, Figueiró foi deputado estadual duas vezes, e federal em três oportunidades.

Ele explicou que chegou a almejar a vaga no Senado na época, porém, foi convidado a assumir a vaga de conselheiro do TCE-MS. Figueiró aceitou o convite e ficou 23 anos afastado da vida parlamentar.

“Discursar nesta tribuna parece um sonho que se concretiza”, declarou Figueiró, que quando universitário, durante os anos 50 no Rio de Janeiro, capital do país na época, assistia às sessões do Senado Federal e acompanhava os debates entre a situação e a oposição. O hábito acabou, segundo o próprio, rendendo ideias que basearam as lutas políticas em que participou.

Além disso, durante o discurso, Figueiró afirmou que apesar de toda a experiência e anos vividos na política, não foi tomado pela vaidade, ambição e soberba. Ele afirma que não fará oposição apenas por fazer, e vai priorizar o Código Florestal, questões indígenas, malha rodoviária, FPE (Fundo de Participação dos Estados), entre outros.

(Com informações da Agência Senado)



Estou totalmente envergonhado de ser filiado ao PSDB, após ficar sabendo que o Figueiró, votou em Renan Calheiros, um cara que o procurador abriu processo contra ele, pelo amor de Deus, esse figueiró não está nem aí para o povo. Mas deixa estar o povo vai dar o troco, não votando nunca mais em quem quer que seja candidato que tiver esse mal caráter como suplente.
Aproveitando o momento, Reinaldo candidata-se ao Governo, porque o Delcídio também votou no Renan, quando o povo ficar sabendo ninguém votará nele para governador. E então você ganhar a eleição com certeza.
 
Luiz Carlos Ferreira em 07/02/2013 13:10:44
Nosso senado é uma vergonha,enquanto o povo Brasileiro tem que trabalhar para ganhar um salário que infelizmente não dá para nada,os nossos senadores além de serem sustentados pelo povo brasileiro,tem direito a 13º/14º e 15º,se fossem honestos votariam a emenda que está engavetada a tempos para acabar com essa pouca vergonha que aliás voçês não tem nenhuma,pena que o povo não enxerga.É triste ficar nas mãos desses inescrupulosos que não estão nem ai para o povo.Acordaaaaaaaaaaaaaaaaa Brasilllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllllll.
 
EVANGELISTA LAURINDO FERREIRA em 05/02/2013 22:28:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions