A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

01/01/2013 18:40

Heitor Miranda toma posse em Porto Murtinho, sem protestos

No dia da diplomação, houve manifestação contra decisão judicial que cassou a candidatura de Rosângela Baptista (PMDB)

Nadyenka Castro
Heitor Miranda e Malaquias são empossados prefeito e vice, respectivamente. (Foto: Edson Moraes)Heitor Miranda e Malaquias são empossados prefeito e vice, respectivamente. (Foto: Edson Moraes)

Heitor Miranda dos Santos (PT) foi empossado prefeito de Porto Murtinho, distante 431 quilômetros de Campo Grande. Ele foi declarado chefe do Executivo municipal após a Justiça Eleitoral cassar a prefeita eleita por voto popular, Rosângela Baptista (PMDB) e o vice, Alex Ver Meyer Pires.

A solenidade foi tranquila, sem protestos, ao contrário do que aconteceu na diplomação, realizada no dia 19 de dezembro. Enquanto Heitor e o vice-prefeito, José Gomes Malaquias Sobrinho (PSD), recebiam os diplomas, cerca de 1,2 mil pessoas protestavam em frente ao Fórum contra a decisão judicial.

Antes da posse de prefeito e vice, foram empossados os vereadores, que fizeram a primeir a sessão e elegeram a Mesa Diretora que vai administrar a Câmara Municipal no biênio 2013-14. Reeleito pelo PR, o vereador Marco Andrei conquistou a presidência. Ele fez parte da coligação que apoiou Rosângela e conquistou cinco das nove cadeiras do Legislativo.

Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...
TRE realiza plantão para cadastramento biométrico neste sábado na Capital
O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) realiza neste sábado mais um plantão para atender eleitores de Campo Grande que ainda nã...


O voto é a fundamental ferramenta exercida pelos cidadãos na democracia moderna. No país, todos entre dezoito e setenta anos são obrigados a votar, e o mesmo é facultativo entre os dezesseis e dezoito anos e entre os maiores de setenta. Mas será que essa ferramenta, sendo obrigatória, torna a democracia mais justa?
Em Porto Murtinho essa democracia não chegou- continua na era dos coroneis- manda que tem mais dinheiro, isso é uma vergonha, a famíla Miranda e Santo já administrou a cidade e não fez nada X nada mesmo- não consigo acreditar que esse cidadão não tem vergonha de assumir a prefeitura a força. votar pra Que né povo......
 
odil miguel gonzalez em 02/01/2013 23:21:27
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions