A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

19/06/2014 10:38

Ibope aponta Dilma com 39%, contra 21% de Aécio e 10% de Campos

Edivaldo Bitencourt
Eduardo Campos, que tem o apoio de Nelsinho em MS, tem 10% na pesquisa do Ibope (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)Eduardo Campos, que tem o apoio de Nelsinho em MS, tem 10% na pesquisa do Ibope (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)

Pesquisa do Ibope, divulgada hoje pela CNI (Confederação Nacional da Indústria), mostra que a presidente Dilma Rousseff (PT) lidera a pesquisa de intenção de votos. A quatro meses da eleição, a petista tem 39%, contra 21% do candidato da oposição, Aécio Neves (PSDB), e 10% do ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB).
O levantamento mostra que a chance de segundo turno persiste, já que Dilma tem 39% contra 40% dos demais candidatos. O Pastor Everaldo (PSC) tem 3%, os demais candidatos somaram 6%, enquanto brancos e nulos representam 13%. 8% não quiseram ou não souberam responder.

Na pergunta espontânea, sem a apresentação de uma lista com os nomes dos prováveis candidatos, a presidente Dilma Rousseff também lidera as intenções de voto, com 25%. Aécio Neves tem 11% e Eduardo Campos, 4%. Lula aparece com 3% dos votos. Os votos brancos e nulos somam 16%. O percentual das pessoas que não sabem ou não responderam alcança 37%

Na simulação de segundo turno com os dois melhores colocados na atual pesquisa, Dilma Rousseff venceria a eleição, com 43% dos votos. Aécio Neves teria 30%, e os votos brancos e nulos somariam 19%. Entre os entrevistados, 8% não quiseram ou não souberam responder.

A presidente Dilma Rousseff também venceria se enfrentasse Eduardo Campos no segundo turno. Ela teria 43% dos votos e Campos ficaria com 27%. Os brancos e nulos somariam 21%. Outros 9% não souberam ou não quiseram responder a pesquisa.

A pesquisa CNI-Ibope mostra ainda que Dilma Rousseff é a candidata mais conhecida entre os eleitores. Apenas 1% disseram que não conhecem a presidente o suficiente para poder opinar. No caso de Aécio Neves, esse percentual sobe para 20% e de Eduardo Campos vai para 25%.

No entanto, Dilma Rousseff é a candidata com o maior percentual de rejeição. Entre os entrevistados, 43% disseram não votariam na presidente de "jeito nenhum". Esse percentual cai para 32% quando o candidato é Aécio Neves e para 33% no caso de Eduardo Campos.

Realizada entre 13 e 15 deste mês, com 2.002 pessoas em 142 municípios, essa edição da pesquisa CNI-Ibope foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com o Protocolo BR-00171/2014. A margem de erro da pesquisa é de 2%.

Dilma foi xingada porque é mulher
As ofensas contra a Presidenta Dilma Rousseff durante a cerimônia de abertura da Copa do Mundo tiveram efeito contrário para quem as proferiu. Todos ...
Expediente no fim de ano será reduzido, mas horas serão repostas, diz prefeito
O expediente no fim de ano na prefeitura de Campo Grande será reduzido, mas as horas serão repostas posteriormente. A afirmação é do chefe do Executi...


E alguém confia no IBOPE ? parem de entrevistar quem recebe bolsa família que vão ver uma significativa mudança nesse quadro.
 
Silvano Santos em 19/06/2014 16:33:07
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions