ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, SEXTA  07    CAMPO GRANDE 19º

Política

Márcio Monteiro agradece deputados após ter seu nome aprovado para TCE

Por Ricardo Campos Jr. e Leonardo Rocha | 09/11/2017 12:47
Secretário de Fazenda, Marcio Monteiro, foi até a Assembleia agradecer parlamentares (Foto: Leonardo Rocha)
Secretário de Fazenda, Marcio Monteiro, foi até a Assembleia agradecer parlamentares (Foto: Leonardo Rocha)

O secretário estadual de Fazenda, Márcio Monteiro, foi até a Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira (9) para agradecer aos deputados por terem aprovado o nome dele para cargo de conselheiro do TCE (Tribunal de Contas Estadual). A votação foi hoje pela manhã, com 20 parlamentares a favor e nenhum contra.

Monteiro ocupará a cadeira deixada por José Ricardo Cabral, que se aposentou na última segunda-feira, tão logo a decisão do Legislativo seja publicada em Diário Oficial, quando será marcada a solenidade de posse.

“É um novo desafio na minha carreira. Primeiramente gostaria de agradecer a demonstração de confiança. Isso aumenta a minha responsabilidade no TCE”, disse o secretário.

Uma vez conselheiro, ele promete cumprir com o dever de zelar pelo patrimônio estadual, fiscalizando os órgãos públicos e orientando os gestores em relação a contratos, licitações, convênios e projetos.

“Quando eu era prefeito, o TCE era apenas um órgão fiscalizador. De lá para cá ele tem aberto diálogo com os gestores para orientação, de modo que não seja apenas punitivo. Hoje, o diálogo é bem maior. O Tribunal é aberto para conversar com os prefeitos e gestores”, pontua.

Monteiro diz que não sabe o substituto dele na Sefaz, nome que Reinaldo Azambuja prometeu anunciar após a nomeação.

Também irá para a Corte Fiscal o deputado estadual Flávio Kayatt (PSDB), que ocupará a vaga deixada por Marisa Serrano também em face da aposentadoria dela.

Kayatt afirmou que pretende focar na tecnologia no que se refere à análise dos processos das prefeituras. Destacou também seu trabalho como parlamentar, colocando como ponto alto sua atuação como relator da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da JBS.