A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

19/03/2014 12:39

Ministro garante celeridade para obras do PAC na Capital, diz Olarte

Kleber Clajus
Prefeito teve garantias de ministro para atendimento diferenciado para liberação de recursos de mobilidade e pavimentação (Foto: Divulgação)Prefeito teve garantias de ministro para "atendimento diferenciado" para liberação de recursos de mobilidade e pavimentação (Foto: Divulgação)

A liberação de recursos para obras paralisadas do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) deve ser acelerada em Campo Grande. Em reunião hoje em Brasília (DF), o prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), teve confirmação do ministro das Cidades, Gilberto Occhi (PP), de que a Capital terá “atendimento diferenciado”.

“O ministro acompanhou tudo o que ocorreu em Campo Grande e a situação difícil das obras paralisadas. Com isso, garantiu um atendimento diferenciado no que estiver na alçada do Ministério das Cidades e também da Caixa Econômica Federal”, comentou Olarte.

De acordo com o progressista, a prioridade será a aplicação de R$ 72,8 milhões para mobilidade urbana, anunciados pela presidente Dilma Rousseff (PT) no dia 13 de março.

O recurso, que integra o PAC 50, prevê a criação de mais 40 quilômetros de corredores exclusivos para ônibus, táxis, veículos de emergência e a implantação do CCI (Centro de Controle Integrado) para administrar o fluxo do transporte coletivo e trânsito da Capital.

“Fechamos um cronograma para que em três a quatro meses possamos licitar e, então, iniciar as obras”, ressaltou Olarte.

Na agenda, o prefeito foi acompanhado pela engenheira e secretária adjunta da Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação), Kátia Castilho. O projeto do CCI, inclusive, foi proposto pela técnica no ano passado.

Também estão previstos para a Capital investimentos de R$ 491 milhões, através do PAC 2 e Mobilidade, destinados a recapeamento, drenagem e pavimentação de bairros, além de intervenções de trânsito como o viaduto na Gury Marques e construção de quatro novos terminais de ônibus. O recurso será liberado através de operação de crédito junto à União, por meio da Caixa Econômica Federal.

Dilma anuncia recursos do PAC2 e Campo Grande receberá R$ 75 milhões
A segunda fase do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) Mobilidade Urbana trará investimentos de R$ 75 milhões para Campo Grande. O anúncio foi...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions