A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

23/08/2017 11:26

Pagamento integral dos servidores é prioridade na gestão, diz prefeito

Folha de pagamento dos quase 20 mil servidores gira em torno de R$ 107 milhões

Mayara Bueno
Prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, PSD.
(Foto: Mayara Bueno).Prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, PSD. (Foto: Mayara Bueno).

Por enquanto, os salários dos quase 20 mil servidores municipais serão pagos em dia, conforme disse o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), nesta quarta-feira, dia 23.

A folha de pagamento do funcionalismo público gira em torno de R$ 107 milhões por mês.

Ainda em discurso, no evento em que autorizava a obra de ampliação da UBS (Unidade Básica de Saúde) do Cidade Morena, o prefeito comentou que o Distrito Federal anunciou que vai parcelar o pagamento das remunerações, dizendo que a unidade fica com todo o recurso do IPVA (Imposto sobre Propriedade Veicular).

"Nós, que pegamos uma gestão que não havia pago os salários, 13º, Omep e Seleta, R$ 22 milhões da Santa Casa e dívidas de meio bilhão de reais, estamos dando ordem de serviço para obra", citou.

A redução de gastos que a prefeitura diz que aplica é, conforme o chefe do Executivo municipal, a responsável por manter os salários em dia. Realidade que deve permanecer nos próximos meses, afirma.

Em relação ao 13º salário, a intenção é que seja pago em dia e de forma integral. No entanto, ainda não o recurso necessário para tal. "Não temos o valor, mas estamos buscando ter".

Governo de MS - O Governo de Mato Grosso do Sul também trabalha para obter a verba do 13º, além de manter os salários mensais em dia. No caso do Estado, a folha bruta gira em torno de R$ 400 milhões para quase 70 mil servidores.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions