A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Abril de 2018

18/02/2013 18:27

Para João Rocha, acordo é só em torno de "políticas públicas"

Josemil Rocha
Vereador João RochaVereador João Rocha


O vereador João Rocha (PSDB) disse esta tarde, em entrevista ao Campo Grande News, que não tem qualquer tipo de informação sobre a negociação de um “mensalão” envolvendo o prefeito Alcides Bernal (PP) e vereadores oposicionistas, visando a construção de maioria governista na Câmara. Denúncia feita via Facebook hoje pelo dono do jornal Correio do Estado, jornalista Antônio João Hugo Rodrigues, dá conta de que Bernal teria proposto R$ 10 mil mensais para cada vereador que aderisse à sua bancada no Legislativo municipal.

Para ele, é inaceitável qualquer tipo de acordo que não seja em torno de políticas públicas para a cidade. “Tem que ser em torno de princípios, valores. Fora disso, eu sou contra”, declarou João Rocha.

No papel de vereador, segundo João Rocha, é preciso representar anseios populares e buscar mudanças em favor da sociedade. “Temos é que ir às secretarias, trabalhar com bom relacionamento, tentando levar e atender as reivindicações. Isso é que forma base aliada fortalecida, musculosa”, argumentou ele.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions