A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

18/05/2012 08:22

Para Kemp, Dagoberto precisa justificar a saída da oposição

Wendell Reis
Kemp acredita que Dagoberto precisa dar uma resposta a população(Foto: Divulgação/Giuliano Lopes)Kemp acredita que Dagoberto precisa dar uma resposta a população(Foto: Divulgação/Giuliano Lopes)

O deputado Pedro Kemp (PT) entende que o presidente estadual do PDT, Dagoberto Nogueira, precisa justificar a saída do grupo da oposição e a ida repentina para o grupo da situação. Kemp acredita que o ex-deputado federal está devendo uma resposta a população sobre que motivos fizeram alguém que criticava com bastante vigor o Governo, agora estar apoiando.

O deputado lembra que Dagoberto justificou a saída dizendo que faltava consenso. Porém, entende que se tivesse interessado em continuar, Dagoberto ficaria com o grupo até a definição se terá um candidato só ou vários.

Em entrevista ao Campo Grande News, Dagoberto rebateu a acusação, dizendo que não tem que se justificar. Ele afirma que saiu do grupo por não acreditar no projeto da oposição. O ex-deputado federal acredita que já deu a sua contribuição e que é exatamente por isso que hoje está sem mandato.

Dagoberto garante que é muito amigo do ex-governador Zeca do PT e do candidato do PT, Vander Loubet (PT), o que o faz lhes considerar como irmãos. Porém, lembra que há pessoas dentro do PT que se ele fosse levar na ponta do lápis, deveria ficar bem distante.

Na eleição para o Senado Federal, alguns petistas e o PDT acusaram Delcídio Amaral (PT) de se afastar do grupo, o que acreditam ter contribuído para a eleição de Waldemir Moka (PMDB). Antes da eleição, Dagoberto estava à frente nas pesquisas de intenção de voto.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions