A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

04/05/2017 13:50

Pelo menos 53 dos 79 prefeitos do Estado vão a Brasília com reivindicações

O movimento municipalista leva uma lista de assuntos a serem discutidos com o governo Federal

Lucas Junot
A Assomasul conclama os prefeitos e agentes públicos do Estado a engrossar o movimento, em Brasília (Foto: Divulgação/Assomasul)A Assomasul conclama os prefeitos e agentes públicos do Estado a engrossar o movimento, em Brasília (Foto: Divulgação/Assomasul)

Pelo menos 53 dos 79 prefeitos de Mato Grosso do Sul já confirmaram presença na XX Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, que ocorrerá de 15 a 18 de maio, segundo a Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul). Até a data do movimento municipalista, a entidade acredita em novas adesões.

Entre os assuntos da pauta de reivindicações, estão os polêmicos debates sobre as reformas previdenciária, trabalhista e tributária.

Para a Assomasul, a Marcha é uma oportunidade para debater junto aos gestores municipais as pautas prioritárias e, posteriormente, levar essas reivindicações até o governo federal.

O presidente da entidade, Pedro Caravina (PSDB), está convidando cada prefeito para mais uma mobilização promovida pela CNM (Confederação Nacional de Municípios).

O desejo da entidade é que, além de prefeitos, participem da Marcha outros agentes públicos, como secretários municipais e vereadores.

“Temos pautas importantíssimas para serem discutidas, principalmente o pacto federativo. A macha é a oportunidade para que os prefeitos possam trazer suas reivindicações, chamar a atenção do Congresso Nacional e do governo federal para as dificuldades dos municípios”, conclama Caravina.

No ano passado, foram registrados mais de 5 mil participantes na Marcha a Brasília, incluindo prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e secretários municipais.

O movimento começou com uma pequena mobilização na capital federal, no ano de 1998. Pela primeira vez, gestores municipais de todo o país estiveram organizados para apresentar ao governo sua pauta de reivindicações.

Alguns dos itens, na época, foram o aumento do FPM (Fundo Participação dos Municípios) e a municipalização dos recursos do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores).



Pedir dinheiro.
 
Marco Stuani em 04/05/2017 14:38:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions