ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 27º

Política

Pesquisa do Instituto Atualidade aponta eleição empatada em Dourados

Délia Razuk aparece com 34% das intenções de voto e Geraldo Resende tem 32% na estimulada; indecisos somam 10%

Helio de Freitas, de Dourados | 30/09/2016 09:12
Pesquisa do Instituto Atualidade aponta eleição empatada em Dourados

Pesquisa do Instituto Atualidade, divulgada nesta sexta-feira (30), mostra empate na disputa pela prefeitura de Dourados, a 233 km de Campo Grande. Segundo o levantamento estimulado, feito quarta-feira (28), a candidata do PR Délia Razuk aparece com 34% das intenções de voto. O candidato do PSDB Geraldo Resende tem 32% da preferência do eleitor e Renato Câmara (PMDB) está com 15%.

Wanderlei Carneiro (PP) tem 1,75% das intenções de voto e Ênio Ribeiro (Psol) aparece com 0,75% dos 400 entrevistados. Os votos em branco e nulos somam 6,5% e os indecisos ficaram em 10%.

O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro é de 4,9 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número MS-00552/2016.

Espontânea – O equilíbrio na disputa se torna ainda maior na pesquisa espontânea, em que o entrevistador apenas aborda o eleitor e pergunta em quem ele pretende votar para prefeito, sem apresentar os nomes dos candidatos.

Délia Razuk foi citada por 26% dos 400 entrevistados, enquanto Geraldo Resende tem 25,25% da preferência dos eleitores, segundo o Instituto Atualidade.

Renato Câmara foi citado por 10% dos entrevistados na espontânea, Wanderlei Carneiro por 1,5% e o Professor Ênio por 0,25%. Conforme o levantamento, neste cenário os votos em branco e nulos somam 4,5% e os indecisos chegam a 32,5%.

Rejeição – Geraldo Resende é rejeitado por 34,5% dos entrevistados. Wanderlei Carneiro aparece com a segunda maior rejeição, de 33,75%.

Délia Razuk tem 31,75%, Ênio Ribeiro foi apontado por 31,50% e Renato Câmara por 29,75%. Outros 9,75% dos eleitores disseram não rejeitar nenhum dos candidatos e 5,75% não opinaram.

Nos siga no Google Notícias