A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

24/09/2013 13:28

Por 25 votos contra um, Câmara rejeita segundo pedido para cassar Bernal

Lidiane Kober e Leonardo Rocha
Vereadores derrubaram pedido de cassação por acreditar em depósito em juízo do dinheiro do sindicato (Foto: Marcos Ermínio)Vereadores derrubaram pedido de cassação por acreditar em depósito em juízo do dinheiro do sindicato (Foto: Marcos Ermínio)

Por 25 votos contra um, a Câmara Municipal derrubou, nesta terça-feira (24), o segundo pedido para cassar o prefeito Alcides Bernal (PP). O requerimento partiu do presidente do Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais), Marcos Tabosa. Ele acusa o prefeito de apropriação indébita de cerca de R$ 700 mil da entidade, referentes ao imposto sindical e a mensalidade paga pelos servidores municipais.

A maioria dos vereadores acompanhou o parecer da procuradoria jurídica da Câmara, que entendeu que o pedido perdeu a base, após a prefeitura informar, por meio de ofício, ter depositado em juízo o dinheiro do sindicato. “Vou votar a favor por não ter segurança no depósito e por acreditar no Sisem”, justificou o vereador Paulo Siufi (PMDB), único que acompanhou o pedido de Tabosa.

Esta, inclusive, é a segunda solicitação do presidente do sindicato. Na primeira ocasião, a proposta de cassação foi vetada porque ele apresentou o pedido em nome da entidade. Dessa vez, ele seguiu a legislação e fez o requerimento como pessoa física, mas esbarrou na falta de mérito. “O processo de cassação pode perder o foco, já que a prefeitura informou o depósito em juízo”, entendeu a procuradoria jurídica da Câmara.

Polêmica – Antes de passar pelo aval dos parlamentares, o pedido de cassação gerou polêmica, após a vereadora Luiza Ribeiro (PPS) informar que “a peça não chegou ao meu gabinete”. Neste sentido, ela pediu para adiar a votação.

Líder do prefeito na Câmara, o vereador Alex do PT fez coro à reivindicação. “Defendo uma discussão mais ampla e adiar a votação para quinta-feira (26)”, defendeu. Os vereadores Paulo Pedra (PDT) e Eduardo Romero (PTdoB) reforçaram o pedido, mas o presidente do Legislativo, vereador Mário César (PMDB), manteve o requerimento, apresentado na segunda-feira passada (16) por Tabosa, na pauta.

Câmara deve arquivar hoje 2º pedido de cassação de mandato de Bernal
A Câmara Municipal de Campo Grande deve votar nesta terça-feira (24) o segundo pedido que poderia levar à cassação do mandato do prefeito Alcides Ber...
Pedido do Sisem sobre comissão processante é transformado em requerimento
O pedido de abertura de uma comissão processante contra o prefeito Alcides Bernal (PP), solicitado pelo Sisem (Sindicato dos Servidores e Funcionário...
Sisem denuncia Bernal ao MPE por reter dinheiro e fala em cassação
O presidente do Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais), Marcos Tabosa, protocolou ontem (22) a denúncia contra o prefeito de Campo Grande, Alcid...


Se o depósito foi feito ou não, só de estar envolvido nessa discussão já é, para mim, prova de que Bernal não possui a índole digna de um representante do povo.
 
Deborah Pires de Menezes em 25/09/2013 11:23:45
Sinto vergonha da politica do Brasil, quando alguém tenta fazer alguma coisa é barrado pela covardia de outros. Esta ladainha do prefeito Bernal com os vereadores já está causando nojo. Todos estão vendo que o prefeito é um demagogo e os vereadores não tomam nenhuma atitude digna dos votos que receberam, igualando-os ao prefeito.
 
Ana Maria Gonçalves em 24/09/2013 18:37:34
e o pedido do nobre funcionário público para ser desligado do quadro de funcionários públicos quem vai fazer? esse funcionário é parente dos que estão envolvidos no hospital do câncer ? como é o nome dele?
 
osvaldo willian da silva em 24/09/2013 18:35:09
Penso sinceramente que chegou a hora de todos os vereadores e também o prefeito eleito tomarem uma boa dose de maturidade e começar a agir como verdadeiros representantes do povo que os elegeu. Estamos cansados de tantas contendas e diz que diz. Será que não chegou a hora de vocês trabalharem por nós?!
Cumpram seus respectivos deveres com brio e desvelo e com certeza teremos uma cidade melhor.
 
Aldo Silva Rocha em 24/09/2013 17:47:44
Trabalhar em prol da cidade nada
 
mario sergio vicente em 24/09/2013 17:10:13
Não consigo entender, os vereadores que falavam mal do prefeito, agora estão contra a cassação do mesmo?
 
HENRIQUE DIAS em 24/09/2013 16:36:33
Aí fica dificil, nossa Câmara é uma porcaria, até agora o Bernal tá na prefeitura graças a nossos valorosos vereadores, já anotei o nome de um a um e nunca mais na vida eu e ninguém da minha família vota nestes cordeiros em pele de lobo, esbravejam esbravejam mas na hora do vamos ver todo mundo recua, isso é absurdo, tá anotado.
 
MAXIMILIANO RODRIGO ANTONIO NAHAS em 24/09/2013 16:15:04
O SISEM é um sindicato que não representa os seus filiados como deveria. Os servidores da prefeitura tem diversas reivindicações que foram encaminhadas ao presidente TABOSA sem que o mesmo não desse nenhum retorno. O sindicato está mais preocupado com politicagem do que com os direitos dos servidores. Só sabe tirar dos funcionários o pouco que ele ganha e retorno que é bom nada. Como diria Boris Casoy: "Esse SISEM é uma vergonha".
 
Marcos Lima em 24/09/2013 15:12:36
Final Feliz né!!!!!!! - Chegaram num acôrdo $$$$$$$$$......Pelo que entendí, até o Presidente deste Sindicato 171 teve participação ativa nesta "armação tôda" . Tudo isto em conjunto com seus comparsas, confortavelmente instalados na Câmara Municipal.
Usaram a famosa arma de "malandro", muito utilizada para praticar extorsão mediante ameaça......" A melhor defesa é o ataque"
 
Francisco Braz em 24/09/2013 14:20:16
E assim vai acontecer se aparecer alguém para atender o pedido de Siufi, os vereadores não tem coragem de abrir esse processo de cassação contra o prefeito, isso tudo é só ladainha, para tentar algum acordo.
 
José Leite em 24/09/2013 14:07:10
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions