A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

19/03/2013 15:58

Projeto propõe que guarda municipal trabalhe armada na Capital

Carlos Martins
Vereador Alceu Bueno apresentou projeto para ampliar atribuições da Guarda Municipal (Foto: Izaias Medeiros)Vereador Alceu Bueno apresentou projeto para ampliar atribuições da Guarda Municipal (Foto: Izaias Medeiros)

Um projeto apresentado na Câmara nesta terça-feira propõe que a Guarda Municipal de Campo Grande possa trabalhar armada no desempenho de suas funções. O projeto acrescenta cinco parágrafos ao artigo 81 da Lei Orgânica do Município ampliando as atribuições da Guarda. De autoria do vereador Alceu Bueno, a matéria irá tramitar agora na Comissão de Constituição e Justiça que irá considerar os aspectos legais e se tudo estiver de acordo seguirá para plenário para ser votada em duas sessões, já que se trata de uma emenda a Lei.

Criada pela Lei 4.530/2007, a Guarda Municipal tem cerca de 1.300 homens que trabalham na proteção do patrimônio público, tais como praças, parques, jardins. Para o presidente do Sindicato dos Guardas Municipais, Hudson Pereira Bonfim, o contingente poderia exercer outras atividades de apoio, além das inerentes à função. “A ideia é utilizar melhor a guarda prestando auxilio aos órgãos de segurança”, disse Bonfim.

Segundo o presidente do sindicato, a Guarda poderia auxiliar a Agetran e também a Semadur (Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano) na fiscalização. Ele diz que a Lei 10.826, do Estatuto do Desarmamento, no artigo 6º, concede o uso de arma à Guarda Municipal. Em Dourados, por exemplo, que tem 250 mil habitantes, a guarda municipal utiliza armamento, porém, só pode portar a arma em serviço.

“Em cidades com população acima de 500 mil, a arma pode ficar acautelada pelo guarda municipal”, explicou Bonfim. Conforme o presidente da comissão, vereador Airton Saraiva (DEM), em Dourados, onde os guardas municipais trabalham armados, nunca foi registrado nenhum problema. “Os guardas passariam por um treinamento e poderiam dar mais segurança à população”, afirmou.

O autor do projeto, vereador Alceu Bueno, disse que a emenda à lei é simples, mas de grande significância, principalmente por causa do aumento da criminalidade. Segundo ele, em várias cidades do País, como Campinas (SP), Goiânia (GO) e Varginha (MG, a Guarda Municipal tem autorização para trabalhar armada. Em Diadema, por exemplo, a taxa de criminalidade reduziu em 80%. “Pesquisas mostram que onde a Guarda Municipal atua armada, a criminalidade caiu, em média, entre 50% e 60%”, informou.

Presidente Michel Temer deve ter alta na manhã desta sexta-feira
O presidente Michel Temer deverá ter alta hospitalar na manhã desta sexta-feira (15), informou o médico Roberto Kalil Filho, que coordena os cuidados...
Interrogatório de Lula na Operação Zelotes é marcado para fevereiro de 2018
A Justiça Federal em Brasília marcou para o dia 20 de fevereiro de 2018 os interrogatórios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho ...
Senado aprova desconto de dívidas de produtores rurais e texto segue para sanção
O Senado concluiu a votação, nesta quinta-feira (14), do projeto que permite a renegociação das dívidas de produtores rurais, estabelecendo descontos...


Senhores e dificil discultir um assunto tao importante para a sociedade com quem nao entende de lei. A guarda estar armada e so uma questao de tempo, isso nao tem como inpedir, com esse crescimento da criminalidade uma guarda forte e bem preparada so tem a contribuir.
 
conrado araujo dos santos em 26/03/2013 14:43:34
Respondendo ao sr. Fábio Souza, aguarda tem o poder de polícia que é cedido pelo Estado Federativo, queira ou não. A guarda é a polícia do município e vem para ficar, pois mesmo nem a PM tem a capacidade de resolver as mazelas da violência. E o armamento quem pede não é o guarda, mas a sociedade!
 
Eliton Pereira em 22/03/2013 21:01:00
A liberdade de expressão está garantida pelo texto constitucional brasileiro,Toda pessoa terá direito à liberdade de expressão; esse direito incluirá a liberdade de procurar, receber e difundir informações e idéias de qualquer natureza, independentemente de considerações de fronteiras, verbalmente ou por escrito, em forma impressa ou artística, ou qualquer outro meio de sua escolha.
OK...
OBRIGADO
INFORMADOOO.
 
Fábio Souza em 22/03/2013 01:09:48
Sr Fábio, a constituição está muito acima das suas opiniões, dá uma lida lá antes de expor uma idéia medíocre dessas!! se vc não é a favor da guarda andar armada, problema é seu!!
 
Gustavo andrade em 21/03/2013 12:41:25
Eu comento o q eu Quiser meu Amigo..Aki é Um espaço P comentar..se Não nem existiria esse espaço..
Ok.
 
Fábio Souza em 21/03/2013 00:26:17
Sr. Fabio de souza,oque o Sr.e a favor ou contra , não interessa já existe uma LEI FEDERAL, que regulamenta sobre isso, Lei 10.826 FEDERAL.
Cabe somente aos vereadores fazerem cumprir a lei, ou poderão ser acionados juridicamente sobre tal fato...LEIA MAIS, FALE MENOS, E SE NÃO ESTIVER INTEIRADO SOBRE O ASSUNTO PERMANEÇA CALADO..
 
ANDRE SOLEY em 20/03/2013 16:24:13
Guarda Municipal Já se Diz Ao Nome."Guarda"..E Não Policial.
Sou Contra eles Andar Armado.

 
Fábio Souza em 19/03/2013 23:00:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions