A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

03/07/2016 07:46

Projeto que obriga alunos a reparar danos será debatido na Assembleia

Mayara Bueno

O projeto de lei que obriga alunos a reparar danos causados por eles no ambiente escolar será debatido em uma audiência pública na quarta-feira (6), na Assembleia Legislativa, onde tramita a proposta. A reunião começa às 13 horas. 

De autoria do deputado Lídio Lopes (PEN), a matéria já foi aprovada em primeira votação, mas gerou bastante polêmica.

Inspirada em orientação do promotor da Criança e Adolescente, Sérgio Harfouche, a legislação ficou conhecida por “lei Harfouche” e já está em vigor na rede municipal de ensino de Campo Grande. A bancada petista, que inclusive sugeriu a audiência, afirma que a proposta é altamente rigorosa e inconstitucional.

De acordo com o projeto de lei, as escolas terão de aplicar estas penalidades com caráter educativo, depois de advertência verbal ou escrita, com a presença e aval dos pais. Em Campo Grande, a medida é válida desde o 9 de setembro passado.

As atividades deverão ser exercidas sob acompanhamento dos s gestores escolares. Na aplicação das penalidades serão consideradas a natureza e gravidade da infração cometida, os danos que dela provierem, tanto em relação ao patrimônio público ou particular quanto a integridade física dos colegas, professores ou servidores.

Ainda tem o que entregar sobre Michel Temer em delação, diz Funaro
O corretor de valores Lúcio Bolonha Funaro, preso na Papuda, em Brasília, disse nesta quarta (16) que "ainda tem" o que entregar sobre o presidente M...
Sem consenso, Câmara adia votação da reforma política
Sem consenso e diante de muita polêmica, o plenário da Câmara dos Deputados adiou na noite desta quarta-feira (16) a votação do texto-base de parte d...



está corretíssimo esse projeto que vai punir aluno que causa danos ao patrimônio público nas escolas, porque educação vem de berço que será levada para as ruas, para aonde quer que seja, o ser humano só fica esperto quando mete a mão no bolso, pois a cobrança tem que ser rigorosa ainda fazer com que o aluno faça os reparos causados tem que pagar um esta básica de primeira linha, trabalhar pelo menos duas vezes na semana no asilo são João bosco e no contolengo para sabe respeitar e se comportar como gente, porque essas crianças esses jovens são os futuros do nosso país, que homens e mulher nosso país terá no dia da manhã.
 
ILMA em 03/07/2016 10:21:57
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions