A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

24/09/2010 14:14

Puccinelli anuncia abertura de sigilos

Redação

Em entrevista coletiva nesta tarde, o governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), candidato à reeleição, anunciou que está abrindo mão de seu sigilo bancário, fiscal e financeiro de toda a sua vida pública.

Ele disse que já tomou providências em relação a isso junto ao MPE (Ministério Público Estadual). Foi mais uma resposta à polêmica criada após a divulgação de vídeo em que o jornalista Eleandro Passaia, ex-secretário municipal de Dourados, aparece conversando com o deputado Ary Rigo (PSDB), sobre repasses aos outros poderes.

Puccinelli apresentou aos jornalistas um documento enviado por ele ao MPE em que afirma que a decisão é "em abono ao interesse público, à moralidade, à transparência e a preservação da honorabilidade do sobrenome Puccinelli".

O documento informa que, assim como fez em 2007, quando foi eleito governador, Puccinelli está entregando ao MPE as declarações de renda entre 1997 e 2007; os extratos de movimentação bancária em quatro instituições financeiras do mesmo período e a declaração anual do produtor de 1996 a 2007. O governador acrescenta ao documento que estão disponíveis também as informações atuais de sua vida financeira.

"Reafirmo a entrega de todos os documentos e abro mão, novamente, do meu sigilo bancário, fiscal e financeiro de qualquer período de minha vida pública até esta data", afirma o documento assinado por ele.

Puccinelli disse que optou por conceder uma nova entrevista a respeito do tema por considerar que as afirmações feitas anteriormente, em nota oficial do governo e em entrevista exibida em rede nacional, por considerar que as informações não tiveram o alcance esperado.

Interpelação - O governador também informou que apresentou uma interpelação judicial contra o deputado Ary Rigo (PSDB). Ele terá 48 horas para prestar esclarecimentos sobre as declarações.

No pedido da interpelação, o governador argumenta que o diálogo gravado "representa ofensa direta à moralidade da Administração Pública Estadual, tanto no que se refere à atuação do Poder Executivo quanto do Poder Judiciário".

Presidente Michel Temer deve ter alta na manhã desta sexta-feira
O presidente Michel Temer deverá ter alta hospitalar na manhã desta sexta-feira (15), informou o médico Roberto Kalil Filho, que coordena os cuidados...
Interrogatório de Lula na Operação Zelotes é marcado para fevereiro de 2018
A Justiça Federal em Brasília marcou para o dia 20 de fevereiro de 2018 os interrogatórios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho ...
Senado aprova desconto de dívidas de produtores rurais e texto segue para sanção
O Senado concluiu a votação, nesta quinta-feira (14), do projeto que permite a renegociação das dívidas de produtores rurais, estabelecendo descontos...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions