A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Julho de 2018

08/03/2018 09:09

Reinaldo diz que saídas do governo serão definidas no final de março

Secretários e servidores precisam deixar cargos até 7 de abril para disputar eleição

Leonardo Rocha e Mayara Bueno
Governador Reinaldo Azambuja concedeu entrevista na sede do Corpo de Bombeiros (Foto: Mayara Bueno)Governador Reinaldo Azambuja concedeu entrevista na sede do Corpo de Bombeiros (Foto: Mayara Bueno)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) afirmou que somente no final de março vai saber quem vai deixar sua gestão, para disputar a eleição deste ano. Ele reconheceu que existem vários "pretendentes", mas que muito estão fazendo uma reflexão se continuam no cargo ou se preferem sair candidatos.

"Não está definido quem vai sair, mas mesmo assim o governo vai continuar, existem alguns pretendentes que gostariam de disputar a eleição, muitos servidores de cargos de confiança", disse Azambuja, durante evento de homenagem ao "Dia da Mulher", na sede do Corpo de Bombeiros.

Reinaldo ponderou que esta definição de quais servidores e secretários vão deixar o cargo, só ocorrerá final de março, já que o prazo para deixar o governo termina em 7 de abril. "Ainda não pensei em substitutos, porque não há definições tomadas, no mês passado fizemos uma reunião com os secretários em que coloquei a importância de continuar no governo".

Janela - O governador reconhece que haverá mudanças de legenda e alguns novos nomes no PSDB durante a janela partidária, mas não adiantou nomes. "Estamos conversando com lideranças, o Beto (Pereira) também está correndo atrás, mas com certeza vai ter alternância, inclusive somente depois haverá um desenho das forças partidárias", avaliou.

Reinaldo também destaca que o cenário nacional será "moldado" após esta janela, podendo haver mudanças nas alianças e disputa presidencial. O período para troca de partido começa hoje (08) e segue até o dia 7 de abril, para deputados estaduais e federais.

Evento - Reinaldo voltou a dizer que o encontro partidário do PSDB, que ocorre no próximo sábado (10), na cidade de Ivinhema, vai ser importante para mobilizar e conversar com os militantes. "O evento não é para se anunciar candidatura e sim para conversar com os aliados e ainda fazer uma prestação de contas do que fizemos no governo".



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions