A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 15 de Outubro de 2019

19/09/2019 09:20

Reinaldo leva gabinete a Rio Verde e recebe 13 prefeitos em dois dias

Tucano atende na sede do Sindicato Rural da cidade, onde recebe demandas da região até sexta-feira (20)

Jones Mário e Leonardo Rocha, enviado a Rio Verde de Mato Grosso
Reinaldo Azambuja atende prefeitos de Rio Verde e região em dois dias (Foto: Henrique Kawaminami)Reinaldo Azambuja atende prefeitos de Rio Verde e região em dois dias (Foto: Henrique Kawaminami)

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) está desde a manhã desta quinta-feira (19) em Rio Verde de Mato Grosso, município da região norte que recebe a segunda edição do programa “Governo Presente”. O tucano montou gabinete na sede do Sindicato Rural da cidade, onde se reúne com 13 prefeitos e recebe suas demandas até sexta (20).

Azambuja foi recebido em Rio Verde com apresentações da Banda Municipal, Guarda Mirim e Corpo de Bombeiros Mirim. O governador levou na comitiva os secretários de Governo e Gestão Estratégica (Segov), Eduardo Riedel; de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), Jaime Verruck; de Educação (SED), Maria Cecília Amendola da Motta; e de Saúde (SAS), Geraldo Resende. O articulador político do governo, Sérgio de Paula, também acompanha a ação.

Em entrevista coletiva, o tucano salientou que quer ouvir as demandas e prioridades de cada município, e, para isso, vai atender cada prefeito em reuniões individuais. Mário Kruger, de Rio Verde, é o primeiro a ser recebido no gabinete, seguido pelos administradores de Pedro Gomes, Jaraguari, Costa Rica, Rochedo, Coxim, Bandeirantes e Camapuã.

Na sexta, estão agendados encontros com os prefeitos de São Gabriel do Oeste, Rio Negro, Corguinho, Sonora e Alcinópolis.

“Ninguém melhor do que um morador de Rio Verde para dizer o que a cidade precisa”, destacou Azambuja, que também vai ouvir vereadores e sindicatos rurais da região.

Sede do Sindicato Rural de Rio Verde recebe gabinete do governador (Foto: Henrique Kawaminami)Sede do Sindicato Rural de Rio Verde recebe gabinete do governador (Foto: Henrique Kawaminami)

“O Governo Presente é um programa inédito, que aproxima o governo das cidades. Muitas vezes as lideranças não podem ir para Campo Grande”, continuou. O tucano destacou que já entregou uma série de obras para Rio Verde desde seu primeiro ano de mandato, em 2015, como pavimentação de estradas e pontes de concreto. “A gente já entregou bastante coisa, mas sempre tem novas demandas”, disse.

Ainda conforme Azambuja, de R$ 119 milhões de investimentos em saneamento que serão anunciados no próximo sábado (21), na Capital, pelo menos R$ 6 milhões vão contemplar Rio Verde. “Hoje são poucos os estados que tem condições de investir, mas Mato Grosso do Sul fez o dever de casa e pode atender os pedidos dos municípios”, ressaltou.

O governador também adiantou diálogo com ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que se comprometeram a incluir as obras de pavimentação de 50 quilômetros da BR-419 na LOA (Lei Orçamentária Anual) de 2020. O trecho conecta Rio Verde com Rio Negro. Ao todo, a rodovia liga a BR-262, na região de Aquidauana, com o norte do Estado. “Vai ajudar muito no turismo, no desenvolvimento regional e em atividades rurais”, apontou.

Programa - A primeira etapa do Governo Presente foi realizada em Três Lagoas, a fim de atender os administradores municipais da região do Bolsão. Azambuja ainda vai deslocar seu gabinete itinerante para Naviraí, para contemplar as cidades do Cone Sul; e depois para Dourados, onde se encontra com os prefeitos da faixa de fronteira e proximidades. A ação termina ouvindo os gestores da região pantaneira, em Aquidauana.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions