A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

12/11/2010 18:12

Rombo em secretaria de Dourados é de R$ 5 milhões

Redação

O TCE (Tribunal de Contas do Estado) descobriu uma série de irregularidades e compras exageradas na Secretaria de Educação de Dourados durante a gestão do prefeito afastado Ari Artuzi. A atual secretária, Margarida Gaigher, revelou que a previsão da secretaria é de fechar o ano com um déficit de R$ 5 milhões.

"Hoje estamos em déficit e a previsão é de que as despesas ultrapassem a receita em R$ 5 milhões ao fechar as contas da Secretaria de Educação no final do ano. Vamos ter que cobrir essas despesas com transferência de recursos de outras pastas", afirmou Margarida.

Para ela, o problema é de má gestão. Foram feitas compras excessivas de liquidificadores e calculadoras eletrônicas. O problema consta no relatório do TCE que compreende o período de janeiro a agosto de 2010.

Margarida diz que muitas das compras excessivas sequer foram distribuídas. "Podemos aproveitar essas calculadoras, usar em sala de aula, para aulas de matemática. Vamos dar uma destinação", afirmou.

Outro problema encontrado, ainda conforme a secretária, foi o uso indevido de verbas do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica). "Estamos atrás de recursos para repor (o valor desviado do Fundeb). O município corre o risco de ficar inadimplente e não receber dinheiro do governo federal", disse.

A secretária afirmou também que existe suspeita de compras feitas pela secretaria e não entregues.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions