A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Agosto de 2017

07/05/2015 11:30

Servidores pedem reajuste de 12%, mas Estado alega falta de dinheiro

Filipe Prado e Leonardo Rocha
A reunião foi entre o Fórum dos Servidores Públicos e Federação dos Servidores Públicos Estaduais (Foto: Divulgação)A reunião foi entre o Fórum dos Servidores Públicos e Federação dos Servidores Públicos Estaduais (Foto: Divulgação)

O secretário de Governo e presidente do Fórum dos Servidores Públicos, Eduardo Ridel, se reuniu na manhã de hoje (7) com a Federação dos Servidores Públicos Estaduais, representada por 12 sindicatos, para discutir o reajuste salarial, fixado em 12% pela categoria. Alegando falta de dinheiro, uma nova reunião foi marcada para apresentar o posicionamento do Governo.

De acordo com o presidente da federação, Rudney Vera de Carvalho, a pauta principal da reunião foi o reajuste salarial, que seria de 8% linear, em função da inflação, e 4% de ganho real, somando 12%, no entanto nenhum acordo foi fechado entre as partes.

O secretário apontou que um aumento de 10% foi dado aos servidores em dezembro de 2014, antecipando o reajuste, mas Carvalho afirma que o valor foi uma “reposição e distorções salariais”, que variaram de 20% a 200%. O presidente ainda assegurou que o reajuste pode ser negociado. “Podemos conseguir este reajuste com diálogo e articulação”.

Ridel declarou que a federação apresentou várias demandas, mas que a discussão sobre o reajuste dos servidores ficou para terça-feira (12). “Nós vamos analisar e discutir a questão financeira do Estado para saber se podemos ou não conceder este novo reajuste”, esclareceu. O presidente assegurou que Ridel declarou, durante a reunião, que o Estado não tem dinheiro para conceder o aumento.

Participam do fórum, na parte do governo estadual, os secretários Carlos Alberto Assis (Administração), Sérgio de Paula (Casa Civil) e Eduardo Riedel (Governo e Estratégia).




Tive uma ideia pra aumentar a arrecadação, por que não inventam uma vistoria obrigatória nos automóveis e nos meses de janeiro de cada ano você podem botar a guarda municipal, militar, e agentes da Agetran pra multar todo mundo o máximo possível, daí todos os anos vocês podem fazer isso e arrancar nosso dinheiro. Tem várias ideias. O governo Federal tava sem dinheiro, só aumentaram a luz o povo paga, e depois esquecem, então tem muitas maneiras ainda de nós arrancar cada centavo. Acho que o governo tá fraco hein, deveria tributar ao máximo. Não sei por que não tiram logo nosso salário pra pagar os imposto, assim não tem esse problema de ter uma desculpa de ficar nos roubando.

Bota lá uma bandeira vermelha neste pais e vamos abraçar o socialismo logo. (Deus me livre).
 
Cyro Escobar Ribeiro Neto em 07/05/2015 13:55:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions