A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

15/12/2009 17:03

TCE rejeitou contas e cancelou contratações nesta terça

Redação

O TCE/MS (Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul) realizou nesta terça-feira sessão para julgamento das prestações de contas dos órgãos jurisdicionados.

Entre os diversos processos, há contas das prefeituras de Chapadão do Sul e Rio Brilhante, cancelamento de contratação de professores temporários pela prefeitura de Cassilândia e a prestação de contas do projeto FIC (Fundo de Investimentos Culturais), durante o governo do PT.

A inspeção ordinária 003/2009 realizada no Fundo Municipal de Saúde de Chapadão do Sul, no período de janeiro a dezembro de 2007. Segundo relatório-voto apresentado pelo conselheiro José Ricardo Pereira Cabral foi constatado irregularidade no órgão.

Quem responde pelo processo é o prefeito Jocelito Krug (PMDB) que apresentou justificativa afirmando que "embora havendo erros no procedimento de execução na realização da liberação dos referidos suprimentos, a finalidade de tal ato foi devidamente alcançada, que é o de atender uma necessidade de caráter urgente".

O relator negou provimento e apresentou o voto no sentido que, os pagamentos realizados, de R$ 58.250 mil, foram liberados sem amparo legal, ou seja, não existindo lei para autorização de tais benefícios. Os pagamentos devem ser impugnados e restituídos ao cofre público municipal. Além disso, o gestor recebeu multa de 100 Uferms.

Cassilândia

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions