ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, TERÇA  01    CAMPO GRANDE 31º

Política

TRE-MS nega recurso e mantém veto à candidatura de deputado na Capital

Loester Carlos sofreu nova derrota na tentativa de ser candidato a prefeito na Capital

Por Leonardo Rocha | 28/10/2020 11:16
Deputado federal, Loester Carlos (PSL), na Câmara Federal (Foto: Divulgação - Agência Câmara)
Deputado federal, Loester Carlos (PSL), na Câmara Federal (Foto: Divulgação - Agência Câmara)

O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de MS) negou o recurso e manteve a decisão que indeferiu a candidatura do deputado federal, Loester Carlos (PSL), conhecido como “Tio Trutis”, à prefeitura de Campo Grande. Com isto ele continua fora do páreo eleitoral.

A decisão ocorreu na sessão de ontem (27), de forma unânime pelo pleno do Tribunal. O relator foi juiz Juliano Tannus, que negou o recurso do deputado e foi seguido pelos demais magistrados. “Mantendo incólume a sentença que indeferiu o requerimento de   registro  de  candidatura do recorrente”.

A candidatura de Trutis tinha sido rejeitada pela juíza Joselina Vanzella Turine, que alegou  que o candidato não entregou a documentação solicitada e ainda citou que ele não foi o escolhido da sua legenda para disputar o pleito, em convenção realizada em setembro.

Disputa – Loester Carlos disputou a vaga de candidato a prefeito com o vereador Vinícius Siqueira (PSL). No dia da convenção, anunciou que tinha sido o vencedor, no entanto o rival entrou com uma ação na Justiça Eleitoral alegando “fraude na votação” do evento.

Depois de analisar os votos e dados da convenção, a Justiça deu parecer a favor de Siqueira, que então se tornou o candidato do PSL à prefeitura. Trutis recorreu da decisão, mas até agora não conseguiu reverter. Este “racha” dentro da legenda teve acusações de fraudes e traições nas véspera da campanha eleitoral.

Entramos em contato com o deputado, mas até o fechamento da reportagem ele não atendeu as ligações.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário