A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

16/10/2013 14:26

Um dia após Processante, vereadores se explicam em sessão comunitária

Kleber Clajus
Mario Cesar explicou mais uma vez que Comissão Processante não cassa Bernal (Foto: Marcos Ermínio)Mario Cesar explicou mais uma vez que Comissão Processante não cassa Bernal (Foto: Marcos Ermínio)

Os vereadores de Campo Grande emendaram as reivindicações de moradores da região do Anhanduizinho, nesta quarta-feira (16), explicação sobre a abertura de Comissão Processante, pela Câmara Municipal, durante Sessão Comunitária na Escola Municipal Imaculada Conceição, no Jardim Batistão.

“Chega dessa briga entre Legislativo e Executivo, a gente não sabe mais quem tem a razão”, pontuou o diretor da unidade escolar, Aristides José Bassi.

O presidente da Casa de Leis, Mario Cesar (PMDB), respondeu ao questionamento apontando que o Legislativo tem feito seu trabalho ao aprovar as leis encaminhadas pelo prefeito Alcides Bernal (PP) e fiscalizar seus atos. Para o peemedebista, a abertura da Comissão Processante não reflete a cassação imediata do prefeito, mas sim a oportunidade de se provar se há ou não irregularidades.

Já o vereador e líder do prefeito, Marcos Alex (PT), disse ser perda de tempo falar de Comissão Processante, ao invés das necessidades do bairro. “O povo na verdade não quer esse tipo de comportamento, onde se transforma o que poderia ser um salto de qualidade para o bairro em palco para justificativas”, observou Alex.

A proximidade da ação dos vereadores é comemorada pelo guarda municipal e presidente do bairro Jardim Ouro Verde, Damião João de Almeida, que defende a participação popular não apenas no período eleitoral.

“Morador nem sempre acompanha o trabalho dos vereadores e tem que ver para poder falar”, recomendou Damião que não concorda com a cassação de Bernal, mas acha importante que se deixe claro se houve ou não irregularidades. “Ele não devendo continua e será bom para todos”.

Quanto à demanda do bairro, Damião cobrou a troca dos postes, ainda de madeira e instalados há 20 anos, para evitar acidentes.

Por outro lado, o presidente do Conselho da Região do Anhanduizinho, José Arantes, pretende solicitar que representantes das oito regiões administrativas de Campo Grande possam acompanhar os trabalhos da Processante. Fora a política, as necessidades do bairro estão relacionadas à falta de asfalto em dez bairros da região.

Presidente do Conselho da Região do Lagoa cobrou revisão em luminárias na Avenida Nasri Syufi para garantir segurança a comunidade que usa ciclovia para prática de esportes (Foto: Marcos Ermínio)Presidente do Conselho da Região do Lagoa cobrou revisão em luminárias na Avenida Nasri Syufi para garantir segurança a comunidade que usa ciclovia para prática de esportes (Foto: Marcos Ermínio)
Diretor da escola onde ocorreu sessão também pediu melhorias em infraestrutura, como o término das obras de construção de salas para a pré-escola (Foto: Marcos Ermínio)Diretor da escola onde ocorreu sessão também pediu melhorias em infraestrutura, como o término das obras de construção de salas para a pré-escola (Foto: Marcos Ermínio)

Aula de cidadania – A sessão desta quarta-feira contou também com as reivindicações da estudante do 9º ano, Fernanda Pereira, que pediu aos vereadores soluções para o entorno da escola como melhor iluminação, praça de lazer e um ponto de ônibus mais próximo.

Aristides também lembrou que a escola onde foi realizada a sessão precisa de que a obra das salas de pré-escola, paradas desde o fim da gestão anterior, sejam concluídas, assim como rachaduras corrigidas e a fiação revisada.

Segurança – O tema segurança também não ficou esquecido pelo presidente do Conselho Regional da Região do Lagoa, Alexandre Moura,que relembrou da necessidade de manutenção nas luminárias da Avenida Nasri Syufi, as margens do Córrego Lagoa, que teve a fiação roubada e tem deixado no escuro moradores que utilizam a ciclovia ao lado da rua para prática de esportes.

Alexandre cobrou ainda sobre o patrolamento de ruas nos Bairros Vila Kellen, Ouro Verde e Jardim Mato Grosso.



estamos aguardando com muita ansiedade, a sessão itinerante aqui na coophatrabalho,avisa com antecedência, pois vamos convidar o máximo de pessoas para participar. isso sim,é cidadania.
 
Osvaldo willian da silva em 16/10/2013 16:03:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions