A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

08/03/2012 13:15

Vereadores aprovam projeto que cria Bolsa Universitária municipal

Aline dos Santos

Com o plenário lotado de estudantes, os vereadores de Campo Grande aprovaram, em segunda votação e por unanimidade, o projeto que autoriza a prefeitura a instituir o Programa Bolsa Universitária de Graduação e Pós-Graduação.

De acordo com a proposta, de autoria da vereadora Professora Rose (PSDB), fará jus ao benefício da Bolsa Universitária o estudante que possua recursos insuficientes, próprios e familiares para o custeio de seus estudos, e com bom desempenho acadêmico.

O financiamento dos encargos educacionais será de no mínimo 10% e no máximo de 50% do valor da mensalidade, de forma que em casos excepcionais o bolsista poderá ser contemplado com 80% do valor da mensalidade.

Conforme o site de notícias da Câmara, 300 alunos realizaram uma “Marcha pela Educação”, saindo da Anhanguera/Uniderp, na rua Ceará, até a sede da Câmara. Alunos da UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), Estácio de Sá e FCG/Facsul (Faculdade de Campo Grande) também acompanharam a votação. O projeto segue para sanção do prefeito.

Clínicas - Em turno único de discussão e votação, foi aprovado o projeto de lei, autoria do vereador Paulo Siufi (PMDB), que dispõe sobre a fiscalização e funcionamento das clínicas de terapias naturais e terapias orientais em Campo Grande.

Pela proposta, para o atendimento ao público e a concessão do auto de licença o estabelecimento deverá conter, no mínimo: sala de espera e/ou recepção com cadeiras para os clientes; pia com água corrente e papel toalha; bancadas fixas e/ou móveis para suporte de materiais e auxílio das atividades; piso de material liso e de fácil limpeza.

Além de ser ventilado natural ou artificialmente, não devendo acumular fumaças e condensação de vapores. A licença deverá ser renovada periodicamente a cada dois anos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions