A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

21/06/2013 17:15

Vereadores elogiam protesto e dizem que erros foram corrigidos

Leonardo Rocha
Vereadora diz que população deve continuar acompanhando o legislativo após protestos (Foto: divulgação)Vereadora diz que população deve continuar acompanhando o legislativo após protestos (Foto: divulgação)

Os vereadores de Campo Grande elogiaram o protesto pacífico realizado ontem na Capital, e também reconheceram que erros cometidos pelo legislativo foram corrigidos. Eles alertaram que a classe política precisa mudar de filosofia e aprender a ouvir a população, sem tomar ações unilaterais. Também pediram que os manifestantes continuem “acompanhando” o trabalho da Casa após os protestos, para que continuem expondo suas posições.

Para a vereadora Professora Rose (PSDB), a Câmara reconheceu seus erros ao cancelar o contrato de “café da manhã” que gerou insatisfação e polêmica com a população. “Existem muitas práticas políticas que precisam ser corrigidas, o legislativo municipal, estadual e federal devem ouvir as vozes que vêm de rua e não serem intransigentes como no passado, estamos em um novo momento”, declarou.

Segundo ela, os políticos devem enfrentar as situações polêmicas e não “fugir” da dividida com a opinião pública. “Em Brasília, os deputados (federais) preferiram adiar a votação da PEC 37, ao invés de seguir o que a sociedade deseja que é derrubar a proposta”, afirmou. A vereadora tucana se refere a proposta que retira o poder de investigação do MPE (Ministério Público Estadual).

Já Grazielle Machado (PR) enfatizou que os novos políticos devem aprender e fazer um trabalho diferente, enquanto que os antigos precisam de uma reciclagem. “O ambiente está mais democrático e aberto ao diálogo, quem acredita que pode resolver sozinho deve mudar de atividade”, descreveu. A vereadora ainda pediu que a população não deixe de participar das atividades do legislativo, após o período de protestos. “Existem temas difíceis e complexos que precisamos da posição popular, questões que vão muito além de um simples cafezinho”, afirmou.

Elogios – Eduardo Romero (PT do B) preferiu elogiar a manifestação pacífica realizada ontem, que segundo ele teve apenas alguns casos “isolados” de vandalismo e que chegou a 50 mil pessoas. “Pelo porte da cidade a participação popular foi fantástica, existem capitais maiores que Campo Grande que tiveram participação menor”, apontou ele.



Políticos ou são corruptos ou na grande maioria são uns caras de pau, pois vejam eles dizendo que reconhecem os erros; reconhecem não; eles já sabiam antes das manifestações só que com óleo de peroba na cara eles fazem e desfazem porque acham que podem enfiar a guela a baixo pois só pensam em si próprios aumentam um salário que ja é exorbitante em 61% em um país que a grande maioria sobrevivem com um salário mínimo!!! Tomem vergonha na cara e abaixem seus salários!!! A outra vereadora muito mais cara de pau ainda assume secretaria mas recebe o salário de vereadora porque é maior e ainda acha isso normal!!! Marajás nas custo do suor do povo!!!
 
valdecir da silva em 21/06/2013 22:41:04
Por que esse salário tão alto de voces? E o salário dos profesores tão baixo? Que tal igualar? Isso, o salário de vereador igual ao de professor. Muito justo com voces aliás, pois professor é PROFISSÃO, vereador é opção, voce não estudou, muitos nem são formados, pelo contrário até, querem reconhecer um outro erro? Fica a sugestão.
 
Geferson Cabral em 21/06/2013 22:36:28
É uma vergonha,com esse salário absurdo que ganham deviam no mínimo tomar seu café da manhã em casa.Campo Grande tem que acabar com essas famílias que detém o poder político ha anos.O povo esquece que muitos deles são filhos dos que jamais pensaram no povo,pelo contrário se aproveitaram do povo,chegaram onde estão por causa do povo que os elegeram e fez com que enriquecessem.É inadmissível que uma empregada doméstica,entre outros trabalhadores,trabalhem o mês inteiro e ganhe um salário mínimo, dependendo do hospital público,transporte público e ainda tendo que mendigar para que aqueles que eles elegeram lembre-se deles. Aposto que aqueles que prestam serviços para que todos os dias esse corruptos levantem e tenham todo o conforto nem mesmo a consideração destes possuem. ACORDA BRASIL!!!!
 
Talita Carvalho em 21/06/2013 21:13:43
Concordo com todos os comentários e ainda acrescento: enquanto estão recebendo salários altíssimos e tomando cafézinho tem pessoas morrendo esperando por atendimento nos hospitais, a educação está esperando por valorização, enquanto estão no luxo do nosso suor tem cidadãos passando fome, crianças desnutridas, arroz e feijão que era comida de pobre já está regrada pois a inflação já está lá em cima e cade o retorno para a população ,como se ainda não tivessem tudo isso para se preocupar ainda inventam leis absurdas. Estão aí usufruindo do bom e do melhor e ainda querem posar de bonitinhos.
 
Laura de Jesus em 21/06/2013 20:20:08
Para alguns vereadores a Câmara reconheceu seus erros ao cancelar o cafezinho. Ok, precisou o Brasil parar para que ocorresse o cancelamento do cafezinho indecente. Nenhum dos nossos nobres edis perceberam antecipadamente que seu farto brunch destoava da realidade nacional, provavelmente por que todos, não notaram diferenças entre o que era servido e pago com o nosso dinheiro, e do que eles provavelmente sempre degustaram em suas residências.
Façam um favor a população, caros vereadores, reduzam, e muito, seus salários, ou ainda não perceberam que R$ 15 mil reais é ultrajante e vergonhoso.

 
Antonio Pires em 21/06/2013 18:50:25
São bem caras de pau. Agora eles querem fazer média com o povo, mas fiquem sabendo que nós faremos tudo para jamais reeleger essa cambada de safados.
 
José Torraca em 21/06/2013 18:03:41
Por que não viram estes "erros" antes das mobilizações? antes da imprensa divulgar, antes do povo se indignar? Por quê? Enquanto tava tudo calado, tava tudo certo?
E quais erros ainda há, até a imprensa divulgar de novo?
 
Neide Brito em 21/06/2013 17:59:44
Não vereadora, vocês não reconhecerão erro nenhum, irão reconhecer quando voltarem seus salários aos valores de 2012.
 
Marco Aurélio Alves em 21/06/2013 17:51:13
Finalmente o brasileiro está fiscalizando e cobrando os gastos desnecessários com o dinheiro público.
 
Allan Silva em 21/06/2013 17:47:13
Vereadores devem diminuir seus salários agora isso sim.

 
Diego Souza em 21/06/2013 17:45:58
VCS AINDA NÃO PERCEBERAM QUE O PROTWESTO TBM É CONTRA VCS CORRUPTOS.......
 
OSVALDO JUNIOR em 21/06/2013 17:41:05
Admira eles descobrirem os próprios erros, quer dizer que tem que haver protesto para poderem dizer que erraram, que tal eles dizerem no que mais tem regalias para que possamos julgar e dizer se é certo ou não. como dizem - A voz do Povo é a Voz de Deus!!!!
 
Charles campos em 21/06/2013 17:40:32
POLITICO É POLITICO. É EVIDENTE QUE VOCES VAO RECONHECER QUE HOUVE ERRO. É CLARO QUE VAO APOIAR O MOVIMENTO DO POVO. VCS DE BOBO NAO TEM NADA NE? MAS QUE USUFRUIRAM QUIETINHO ATE AGORA DESSE MEGA CAFE, TB NAO NEGAM NE? ESPERTINHOS DEMAIS, FIQUEM ATENTO POPULAÇÃO NA HORA DE VOTAR, NAO SE ILUDAM COM ESSA CARINHA LINDA MAS COM PENSAMENTOS HORRIVEIS.
 
LUCIANO MARQUES em 21/06/2013 17:35:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions