A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

23/04/2013 18:09

Vereadores promovem audiência pública para debater armamento da Guarda Municipal

Jéssica Benitez

Amanhã a Comissão Permanente de Segurança Pública da Câmara Municipal de Campo Grande, presidida pelo vereador Otávio Trad (PTdoB), realizará audiência pública para discutir a possibilidade do armamento da Guarda Municipal da Capital.

A audiência visa debater junto com autoridades competentes e a sociedade civil organizada a Proposta de Emenda à Lei Orgânica n° 61/13, que modifica a redação do inciso IV do artigo 8° e acrescenta parágrafos ao artigo 81, ambos da LOM (Lei Orgânica do Município).

A proposta, que está em tramitação na Casa de Leis, visa liberar o porte de arma para Guardas Municipais, de modo a contribuírem com a segurança pública da cidade. A votação estava programada para semana passada, porém, conforme autor da modificação, vereador Alceu Bueno (PSL), o projeto será votado no próximo dia 30.

“Temos que tomar cuidado porque se faltar um único voto, só no ano que vem para tentar novamente”, disse Alceu. Além de Otávio, fazem parte da pastaos vereadores: Carlão (PSB), Airton Saraiva (DEM), Chiquinho Telles (PSD) e Herculano Borges (PSC).



senhor Jairo e senhor Marcello mendes, pelo visto vcs nao querem a Guarda armado por outros motivos, Pq os guardas Municipais passarão por um curso rigoroso para saber quais deles estarão aptos a usarem armas, tenho certeza q não serão todos q serão aprovados no curso, assim como nem todos q fizeram curso para policia passaram em tais cursos, entao qual o problema de vcs, pq são contra a guarda municipal, vcs deveriam deixar acontecer para depois criticar, tem muitos guarda municipais competentes na instituição? a cidade ficaria muito mais segura com maior contigente.
 
Jose Bandeira em 25/04/2013 19:35:19
Acho engraçado a falta de conhecimento e informação dos que opinam. Primeiramente porque existe uma gigante legislação a respeito de porte de armas. Tudo o que um policial militar, civil ou federal tem que cumprir para poder colocar a mão em uma arma o guarda também vai ter que cumprir, ou seja, ele obrigatoriamente tera que passar por treinamento e avaliações psicológicas. Segundo, a lei já dispões a respeito desta questão dizendo por exemplo que cidades com mais de 500 mil habitantes a guarda pode ser armada, entre outras leis que já garantem essa prerrogativa. E em terceiro lugar para os que dizem não para arma na mão de guarda só digo uma coisa se seu filho você um guarda municipal hoje ele nao teria a minima condição de se proteger da bandidagem seria um candidatoapto para o cemiterio
 
paulo rubens em 24/04/2013 20:29:53
Ninguém será armado sem treinamento específico, por isto é ignorância afirmar que não é conveniente armar a Guarda Municipal por este motivo, a própria população será beneficiada com mais uma opção na segurança publica, em relação as outras policias é cada um no seu quadrado atuando dentro de suas atribuições, aqui as forças policiais não estão desunidas como em outros estados a guarda sempre procurou demonstrar o respeito e companheirismo a outras instituições principalmente a PM que nos ajudou muito na estruturação da GM, o que passar disto são meras especulações fantasiosas.
 
aureliano sousa em 24/04/2013 11:02:43
SENHOR JAIRO PRA ISSO QUE EXISTEM CURSOS, SE VC NÃO SABE.
 
rosa isabel gil nunes em 24/04/2013 10:54:50
Caso esta emenda seja aprovada no dia 30 de abril,não vai armar os guardas no outro dia.Sendo q este ano o orcamento ja esta todo destinado.O prefeito concerteza vai fazer algum convenio com a PM ou PF para capacita-los.E vao ser mais 1000 homens para somar com a Segurança Publica.
 
joao batista em 24/04/2013 10:30:10
Repito aqui a minha opinião sobre esse assunto: Antes de se armar mais de mil homens, que se introduza ,na Guarda Municipal, o uso de armas não letais, paralizantes, como bastões de choque, taisers, etc.. È muito temerário armar, de uma só vez, essa grande quantidade de servidores municipais. Se até a PM e PC de MS, que é são quase centenárias, tem problemas em fiscalizar e treinar bem seus homens, imaginem a Guarda Municipal!
 
MARCELLO MENDES em 23/04/2013 21:11:02
A meu ver estes guardas municipais, não devem ser armados, pelo fato de não terem feito concurso, avalições e testes para usar este recurso.
Não é qualquer pessoa que pode portar e muito menos utilzar armas, isso pode ser um "TIRO NO PÉ" literalmente. Para isso é preciso uma estrutura de corregedoria.

Da um arma de choque (Tesier) ja esta de bom tamanho.

Jairo
 
JAIRO RODRIGUES em 23/04/2013 20:55:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions