A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

17/12/2012 22:12

Vereadores se reunem para discutir emendas, mas não há consenso

Nyelder Rodrigues

Terminou sem definição a reunião entre vereadores realizada nesta noite em Campo Grande, para discutir as emendas apresentadas ao orçamento 2013. Conforme o vereador Paulo Pedra (PDT), o tema foi muito debatido pelos participantes, e vários deles mantiveram as posições já apresentadas anteriormente. A emenda que mais causa polêmica é que a tira poder do prefeito eleito, Alcides Bernal, de suplementar o Orçamento.

No sábado (15), um grupo de vereadores também se reuniram com o prefeito eleito Alcides Bernal (PP) na produtora Macarena, onde discutiram várias questões relativas a governabilidade da Capital, entre elas, as emendas para 2013.

Nesta segunda-feira (17), o atual prefeito da Capital, Nelson Trad Filho (PMDB), afirmou após reunião com Bernal na Esplanada Ferroviária que vai conversar com os vereadores e pedir que as emendas que prejudiquem o trabalho do sucessor não sejam aprovadas.

Desde o início de dezembro as emendas tramitam na Câmara Municipal. A mais polêmica, e que gera reclamação dos progressistas, reduz de 30% para 5% a abertura de créditos adicionais a serem utilizados pela administração municipal, sem que as transações financeiras passem pelo crivo dos vereadores.

Para Bernal, se aprovadas, as emendas vão engessar e burocratizar o trabalho do prefeito. Além disso, ele considera a possível aprovação como retaliação política.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions