A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Janeiro de 2018

02/11/2011 17:27

Capivara vira atração em praça no Arnaldo Estevão de Figueiredo

Wendell Reis
Animal foi econtrado por crianças que brincavam na Praça das Mangueiras(Foto:Johnny Arruda)Animal foi econtrado por crianças que brincavam na Praça das Mangueiras(Foto:Johnny Arruda)

Uma capivara de aproximadamente 50 quilos chamou a atenção de moradores na tarde deste feriado do Dia de Finados (2) no bairro Arnaldo Estevão de Figueiredo, zona Leste de Campo Grande. O animal foi encontrado por crianças que brincavam na Praça das Mangueiras, localizada na travessa Serralheiros.

Assustadas, as crianças correram para chamar os pais, que avisaram o cabo Pereira. O policial, que mora na vizinhança, acionou a PMA (Polícia Militar Ambiental). Até a chegada do resgate, que demorou uma hora e quinze minutos, o animal chamou a atenção dos 30 moradores que lhe acompanhava na praça.

O professor Johnny Arruda, 23 anos, conta que a capivara estava agitada e chegou a correr atrás de algumas pessoas que estavam lhe rodeando. Ele também confidenciou que o único policial que foi até o local demorou 45 minutos para capturar o animal, contando com a ajuda de outros dois moradores.

Assustada com a movimentação, a capivara fugiu da praça e correu por mais duas quadras, sendo capturada na rua dos Borracheiros. Os moradores acreditam que o animal seja do residencial Damha, que abriga bastante capivara.



nao devemos esquecer q animais selvagens devem ficar longe da cidade,principalmente a capivara q é portadora do carrapato q traz a febre maculosa ao ser humano.
 
euller rojas em 03/11/2011 08:56:19
Esse animal saiu da área do APA LAGEADO. A cerca de alambrado que contorna a área num dos trechos está destruída devido a um acidente que ocorreu numa das curvas com moto. Essa via é o prolongamento da Avenida Marinez de Souza que faz ligação com o Damha e o viaduto. Há mais de um ano solicitamos sinalizações verticais e horizontais, redução de velocidade. Já ocorreram outros acidentes e destruíram o ALAMBRADO. A SEMADUR precisa agilizar o cuidado com a área caso contrário m ais amimais vão sair da área.
 
Prof. Janio Batista de Macedo em 02/11/2011 06:09:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions