A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

08/05/2015 11:05

Presidente da Sociedade Rural diz que estrutura de MS favorece agropecuária

Helio de Freitas, de Dourados
Produtores rurais de Dourados acompanham palestra do Rally da Pecuária, no Sindicato Rural (Foto: Divulgação)Produtores rurais de Dourados acompanham palestra do Rally da Pecuária, no Sindicato Rural (Foto: Divulgação)

A estrutura institucional de Mato Grosso do Sul está entre as melhores do país e favorece a produção agropecuária, segundo o diretor da SBR (Sociedade Rural Brasileira) Francisco Vila. Ele esteve ontem em Dourados, a 233 km de Campo Grande, acompanhando o “Rally da Pecuária”, que percorre os principais estados produtores do país para fazer um diagnóstico do setor.

Durante palestras e debates com os produtores da região, no Parque de Exposições João Humberto de Carvalho, o diretor da SBR disse que a pecuária passa por transformações e citou o novilho precoce como exemplo de sistema mais moderno. Segundo ele, a atividade está melhor em MS do que dois anos atrás.

“A pecuária passa por um processo de mudança, saindo da forma tradicional expansiva para explorar mais a parte técnica. Em Mato Grosso do Sul percebemos que o pessoal, a princípio, está bem disposto, pois o preço da carne é bom e o do bezerro está melhor que nos anos anteriores”.

Infraestrutura - Na avaliação do ruralista, a vantagem de Mato Grosso do Sul em relação aos outros estados é a infraestrutura institucional – funcionamento de sindicatos rurais, Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária) e do Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural).

Para os técnicos do Rally da Pecuária, esse sistema é mais consolidado quando comparada com as mesmas intuições em outras regiões. “Os serviços prestados por essas instituições são muito bons. O ambiente de negócio é favorável aos produtores. Um exemplo são os frigoríficos que possuem uma infraestrutura de alto nível”, afirmou Francisco Vila, que aponta Mato Grosso do Sul entre os três primeiros de 26 estados brasileiros.

Pecuária expressiva – O presidente do Sindicato Rural de Dourados, Lúcio Damália, disse que a passagem do Rally da Pecuária mostrou novidades que vão facilitar o trabalho e a produção no campo. “Além da cana e da soja, o nosso Estado tem a pecuária que é bastante expressiva e o Rally tem a missão de mostrar para o produtor, principalmente o pecuarista, a força e o potencial deste setor na nossa região”.

O encontro discutiu a visão geral da agropecuária atual e do futuro. Dividido em quatro palestras técnicas, o evento teve debates abordando temas relacionados a pasto, alimentação dos animais, setor financeiro e modernização técnica para ser aplicada no campo.

“O mais importante desta expedição é fazer um comparativo dos resultados do ano anterior com o os resultados dos estudos deste ano. Fazemos isso para saber se mudou alguma coisa, com qual velocidade mudou e também para comparar com outras regiões do Brasil”, disse Francisco Vila.



"Presidente da Sociedade Rural diz que estrutura de MS favorece agropecuária."

Que gênio! Prêmio nobel pela descoberta!
 
Brasileiro em 08/05/2015 13:39:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions