A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

14/10/2013 19:06

Produtor rural tem à disposição cinco novas linhas de crédito

Zana Zaidan

Já estão disponíveis para o produtor rural cinco novas linhas de crédito para o custeio de máquinas e implementos agrícolas, a Pronaf Custeio-Cooperativas, Pronamp Custeio, Pronamp Investimento, Investimento Especial e Comercialização.

As modalidades de financiamento são da Caixa Econômica Federal e podem ser solicitadas por cooperativas, agroindústrias e produtores rurais pessoas físicas e jurídicas.

A linha Investimento Especial é destinada a produtores rurais pessoas físicas e jurídicas para aquisição de máquinas e equipamentos, com taxa de juros de 3,5% ao ano e prazo de até dez anos, variáveis conforme o projeto apresentado.

O Pronaf Custeio-Cooperativas é indicado para cooperativas de crédito que atuam com pequenos produtores participantes do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar), e oferece taxas de juros entre 1% e 3,5% ao ano e prazo de até 3 anos para pagar.

Já médios produtores, amparados Pronamp (Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural), podem contratar a Pronamp Custeio, com taxas de juros entre 4% e 4,5% ao ano e prazo de até dois anos, e Pronamp Investimento, com taxas de juros entre 2% e 4,5% ao ano e prazo de até seis anos para investimento semifixo e até 12 anos para investimento fixo.

Cooperativas agropecuárias e agroindústrias têm a disposição o crédito Comercialização para o financiamento de estocagem e beneficiamento de produtos agropecuários. A taxa de juros é de 5,5% ao ano e prazo de até 240 dias, que pode ser ampliado de acordo com o projeto apresentado para determinadas culturas ou atividades.

Desde o início da safra 2013/2014, em julho, a carteira de crédito rural da Caixa apresentou crescimento de mais de 120% em relação ao saldo de junho do ano passado, segundo o banco estatal, e atingiu o volume de R$ 700 milhões. Mais R$ 3,7 bilhões devem ser aplicados até junho de 2014, ainda conforme a CEF.

O financiamento do agronegócio pelo banco começou em setembro do ano passado, com um projeto piloto desenvolvido em 62 agências de oito Estados. A partir de julho deste ano, o banco ampliou sua atuação no segmento e já conta com cerca de 1,2 mil agências habilitadas a realizar operações de crédito rural em todas as regiões do país, que podem ser consultadas no site www.creditoruralcaixa.com.br.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions