A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

02/07/2016 13:54

Queda de juros no novo Plano Safra atrai pequenos produtores

Renata Volpe Haddad

Com a reformulação do Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar) e queda dos juros de 5,5% para 2,5% ao ano, a estimativa do Banco do Brasil é que o acesso de pequenos produtores dobre neste ano, em curto prazo. O Plano Safra será lançado em Campo Grande, no dia 5 de julho, no Banco do Brasil.

Só em Figueirão, distante 226 km de Campo Grande, o programa somou o acesso de R$ 22 milhões de crédito em um ano. Segundo o gerente do Banco do Brasil, agência Costa Rica, Flávio Guilherme Alcantu, assim como Figueirão, os municípios de Alcinópolis, Costa Rica e Camapuã, também devem elevar a busca pelo Pronaf.

“Esses municípios, possuem altíssimo potencial produtivo. O agronegócio na região tem muito a crescer, o que falta é que os próprios produtores rurais acreditem no seu empreendedorismo e trabalhem o melhoramento genético do rebanho, estimulando tanto a pecuária de corte, como a de leite, grandes aptidões da região”.

Durante o 2º Simpósio de Pecuária Leiteira o pecuarista, Carlos Adriano Carneiro, que com recursos próprios, elevou sua produção de leite em quase 360%, passando de 18 mil litros por ano, para 84 mil litros, mostrou-se atraído pela baixa no juros e pretende o acesso à linha de crédito voltada para pequenas propriedades rurais.

“Sem linha de crédito tive picos de produção que chegaram a 420 litros de leite em um dia, com 42 vacas. Mas quero chegar a 500 litros por dia e ainda implantar uma área de pastagem com irrigação, aumentando volume e qualidade do leite”.

Com investimentos na produção, o pecuarista que trabalha em uma área de 100 hectares, conta que agregou valor ao produto e praticamente dobrou o preço do litro, sendo que antes era entregue para o laticínio por R$ 0,40, atualmente comercializa por R$ 1,35. “O mercado ajudou, mas o que vejo como diferença foi o investimento em genética, pastagem, silagem e modernização da propriedade, estimulada pelo Programa Produzir Mais”, ressalta.

De acordo com o prefeito de Figueirão, Rogério Rosalin (PR), 16 pecuaristas participam atualmente do Produzir Mais, programa que avalia e dá assistência técnica gratuita às propriedades do município.

“Essa é nossa primeira etapa e em menos de um ano o programa já rendeu bons fruto, principalmente à pecuária leiteira. Com o acesso ao crédito, os pecuaristas da região vão poder elevar a qualidade e se empenhar em uma produção ainda mais eficaz”.

O Plano Sagr

Plano Safra da Agricultura Familiar terá R$ 28,9 bilhões para pequeno produtor
O Plano Safra da Agricultura Familiar 2015/2016 terá R$ 28,9 bilhões em recursos, 20% a mais que na última safra (2014/2015), quando o governo repass...
Plano Safra da Agricultura Familiar terá 20% mais recursos que em 2014
A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (19) que o volume de recursos do Plano Safra da Agricultura Familiar 2015/2016 – que será lançado na próxima s...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions