ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 23º

Lugares por Onde Ando

Aérea retoma voos suspensos pela pandemia e Dourados fica fora

Por Paulo Nonato de Souza | 03/06/2021 08:08
Avião da Gol Linhas Aéreas no pátio do Aeroporto Regional de Dourados sem previsão de retorno (Foto: Arquivo/Reprodução)
Avião da Gol Linhas Aéreas no pátio do Aeroporto Regional de Dourados sem previsão de retorno (Foto: Arquivo/Reprodução)

A companhia aérea Gol iniciou o mês de junho com a retomada de voos que estavam suspensos por causa da pandemia de coronavírus. Reabriu sete bases regionais sem os voos semanais interligando o Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, e o Aeroporto Regional Francisco de Matos Pereira, em Dourados (MS).

Os voos Guarulhos/Dourados/Guarulhos entraram na lista do enxugamento da malha aérea realizado pela Gol em abril e maio, com redução significativa no número de voos, por consequência do agravamento da pandemia. No entanto, a companhia reabriu suas bases em Caldas Novas (GO), Campina Grande (PB), Caxias do Sul (RS), Londrina (PR), Montes Claros (MG), Sinop (MT) e Uberlândia (MG), e todas em conexão com o aeroporto de Guarulhos.

Com a retomada das sete bases regionais, segundo nota divulgada pela companhia aérea, ao longo do mês de junho serão 400 decolagens diárias, 36% a mais do que em maio. Os aeroportos com maior volume de conexões em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Fortaleza e Salvador vão responder por 62% dos voos.

A Gol Linhas Aéreas estreou a rota entre Dourados e Guarulhos, sua 61ª base nacional, em 2 de março de 2020, mas em menos de um mês teve que suspender a programação. Retomou a ligação entre a maior cidade do interior de Mato Grosso do Sul e o Aeroporto de Guarulhos (SP) em 3 de fevereiro de 2021 com três voos por semana, às quartas, sextas e domingos, mas em abril as operações foram novamente suspensas pela companhia.

Reforma do aeroporto - Além das adequações na sua malha aérea devido a queda na demanda de passageiros provocada pela pandemia, a reforma do Aeroporto Regional de Dourados provavelmente também pesou para que a cidade ficasse fora da retomada de voos da Gol. Desde o início de maio os pousos e decolagens foram suspensos para a realização de obras, como a ampliação da extensão da pista principal para 2.240 metros.

As obras no aeroporto douradense estão sendo executadas pelo Exército, e a conclusão dos serviços está prevista para setembro de 2023, conforme nota enviada à editoria de turismo do Campo Grande News pelo Chefe da Seção Técnica do 9º Batalhão de Engenharia de Construção, capitão Fernando Duncan Loureiro Pinheiro.

“A ampliação e restauração do Aeroporto Regional de Dourados encontra-se em andamento, conforme cronograma estabelecido com anuência da ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil)", diz o comunicado.

Ainda de acordo com a nota, existe previsão de reabertura das operações no Aeroporto de Dourados para 1º de novembro de 2021, em caráter provisório,  e de novo período de fechamento, a ser iniciado em março de 2022. Veja no site oficial da Gol como ficou a malha aérea da companhia depois do corte de voos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário