ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SEGUNDA  15    CAMPO GRANDE 22º

Política

Após desistir de prefeitura, Puccinelli também rejeita câmara

Puccinelli explicou que as chapas já estão completas e não gostaria de inteferir

Por Lucas Mamédio e Fernanda Palheta | 25/06/2024 15:55
André Puccinelli sendo homenageado na Câmara Municipal em 2023 ao aldo dos vereadores Jamal e Loester (Foto: Divulgação)
André Puccinelli sendo homenageado na Câmara Municipal em 2023 ao aldo dos vereadores Jamal e Loester (Foto: Divulgação)

Umas das hipóteses aventadas pelo partido caso o ex-governador André Puccinelli (MDB) não saísse candidato a prefeito de Campo Grande, era que ele pudesse concorrer a uma vaga na Câmara Municipal como vereador.

Após anunciar a desistência do executivo na tarde desta terça-feira (25), ele também negou a possibilidade de pleitear uma cadeira no legislativo. “Não serei candidato a prefeito e, em consideração a eles (demais candidatos a vereador), não serei candidato a vereador”.

Puccinelli explicou que as chapas já estão completas e que os cálculos internos apontam para eleição de 5 vereadores no MDB e 2 vereadores no Solidariedade, partido aliado.

Desistência da prefeitura - O ex-governador André Puccinelli (MDB) desistiu oficialmente da disputa pela Prefeitura de Campo Grande nas eleições municipais deste ano. O anúncio que deu fim a pré-candidatura do emedebista foi feito no início da tarde desta terça-feira (25) após reunião com deputados, vereadores e pré-candidatos no Diretório Estadual do MDB.

Apesar do nome competitivo, Puccinelli não estava conseguindo convencer a Executiva Nacional do MDB a cedeu o recurso pedido do fundo eleitoral para a campanha. O ex-governador chegou a ir duas vezes a Brasília, mas integrantes do partido apontaram que a nacional ofereceu apenas 20% do que Puccinelli gostaria.

O valor, segundo eles, não seria suficiente para estruturar a campanha e competir com duas máquinas, do Município com a pré-candidatura da prefeita Adriane Lopes (PP) e do Estado, com a pré-candidatura do deputado federal Beto Pereira (PSDB).

A incerteza acompanhou a pré-candidatura desde o início, mas Puccinelli reiterou ao longo do primeiro semestre que não havia dúvidas que seu nome estaria nas urnas. As movimentações nas redes sociais davam sinal da vontade compartilhando planos dele para a cidade.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias